Linha de instabilidade em Mato Grosso

07/03/2013 às 21:04
por Josélia Pegorim

As pancadas de chuva ainda são frequentes e volumosas sobre o Mato Grosso neste início de março. O excesso de umidade no mês passado prejudicou bastante o andamento da colheita da soja. Nesta quinta-feira, uma forte linha de instabilidade se formou sobre o Tocantins e avançou o nordeste de Mato Grosso, região do Alto Araguaia, provocando temporais. Em Confresa, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 49 mm de chuva em apenas 1 hora. Um verdadeiro temporal, com rajadas de vento de 75 km/h, às 17 horas, pelo horário de Brasília. A linha de instabilidade avança de nordeste para sudoeste parte de suas nuvens carregadas pode atingir Cuiabá na madrugada de sexta-feira.   O ar fica mais seco em grande parte do Centro-Oeste nos próximos dias. Pouca chuva é esperada para Goiás, no leste de Mato Grosso e no Distrito Federal.
publicidade
publicidade