ALERTA

1 notificações

São Paulo vive o segundo período mais quente do ano

29/12/2016 às 23:13
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Quando o calor vai diminuir?

Ele já foi chamado de tudo: infernal, maravilhoso, nojento, insuportável, adorado. A dúvida atualmente é "caso ou compro o ar condicionado"?

O calor dos últimos dias de 2016 está dividindo opiniões e fazendo muita gente comprar outro ventilador ou encarar o ar condicionado para aliviar artificialmente a sensação de desconforto das altas temperaturas.

 

7 perigos da onda de calor e como se prevenir


A população da cidade de São Paulo está vivendo o segundo período de dias consecutivos mais quentes de 2016, superado apenas pelos tórridos 6 dias de outubro, quando ocorreu a maior temperatura do ano: 35,9°C no dia 19 de outubro.

Já são 10 dias consecutivos em dezembro com temperatura sempre superior aos 30°C. Mas em particular no período de 26 a 29 de dezembro, a menor temperatura máxima foi de 33°C, considerando as medições do Instituto Nacional de Meteorologia feitas no Mirante de Santana, na zona norte da capital paulista.

No período entre 20 e 29 de dezembro, São Paulo teve sempre máxima acima de 30°C. A média das máximas neste período foi de 32,5°C. A temperatura máxima média de referência para dezembro é de aproximadamente 26°C. Mas entre os dias 16 de 20 de outubro deste ano, a média das temperaturas máximas foi de inacreditáveis 34,1°C!

 

 

 

 

Abril quente

Apenas em abril houve um período maior de dias consecutivos com temperaturas máximas acima de 30°C. Foram 14 dias entre 12 e 25 de abril, mas a média das temperaturas máximas registradas neste período foi de 31,5°C, 1°C abaixo do que se observa no fim de dezembro.

 

Quando a temperatura volta ao normal?

Por enquanto, pelas projeções a médio prazo indicadas pelas simulações atmosféricas feitas em supercomputadores, não tem massa polar forte à vista pelo menos até o fim da primeira semana de janeiro de 2017.

Assim, pelo menos até o dia 8 de janeiro de 2017, é pouco provável que esta sequência de temperaturas altas seja interrompida. A tendência é que a temperatura máxima dos dias permaneça acima dos 30°C.

 

 

 

 

5 motivos para fazer um cruzeiro

 

Virada calorenta

Roupas e comidas leves, muito líquido, leque, ar condicionado no máximo e tudo mais que possa aliviar o calor é recomendado para a passagem para 2017 em praticamente todas as regiões do estado de São Paulo. Você só não vai sentir calor à noite se estiver em alguma cidade serrana.

Com um calorão como este, a atmosfera fica mais instável e os temporais como os que estão ocorrendo nos últimos dias ainda poderão ocorrer nesta sexta, 30, no sábado, 31 e nos primeiros dias de 2017. Porém, a chuva não ocorre de forma generalizada e nem sem prolonga por muitas horas.

Na cidade de São Paulo, há risco de temporais à tarde e no começo da noite também no dia 31 de dezembro, mas a chance de estar chovendo na hora da virada para o novo ano é baixa.

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

12°
min

21°
max

0mm / 0%