Instabilidade aumenta no CO

26/01/2017 às 12:56
por Angela Ruiz

Atualizado 26/01/2017 às 16:34

Oferecimento
DF decreta emergência

As áreas de instabilidade se espalham sobre o Centro-Oeste do Brasil. As condições para chuva persistem nesta quinta-feira (26), por todo o estado, mas a fronteira com o Paraguai terá pouca chuva. A chuva mais volumosa e forte é esperada para áreas no centro, leste e norte do estado incluindo a região de Campo Grande.

 

 

Na sexta-feira (27), as instabilidades ficam mais concentradas entre Mato Grosso, sul, oeste e centro de Goiás. Nestas áreas, chove a qualquer hora do dia que por vezes podem ser fortes. No Distrito Federal e no norte de Mato Grosso do Sul,  o predomínio é de sol com aumento de nuvens e pancadas de chuva á partir da tarde com raios. No sul de Mato Grosso do Sul não chove.   

 

Madrugada mais amena

A cidade de Amambai, no sul de Mato Grosso do Sul pode registrar temperatura um pouco mais baixa para os padrões de janeiro. A queda de temperatura está relacionada a entrada do ar mais seco e a diminuição da nebulosidade sobre a região de fronteira com o Paraguai. Noites com poucas nuvens ou falta de nebulosidade faz  com que o ar se resfrie mais.

 

Porque as noites sem nuvens são mais frias

 

Falta de chuva volumosa no Distrito Federal

Mesmo com a previsão de pancadas de chuva previstas para o Distrito Federal nos próximos dias, a situação hídrica vem se agravando. O governo do Distrito Federal anunciou que o plano contra a estiagem sai em 15 dias e decretou nesta última quarta-feira (25), situação de emergência por 180 dias.

 

Atualmente, são afetados pelo racionamento as regiões de: Guará I e II, Polo de Modas, Colônia Agrícola Bernardo Sayão, setor Lúcio Costa, Super Quadra Brasília, Colônia Agrícola Águas Claras, Taguatinga Sul, Arniqueiras, Areal e Riacho Fundo I.

 

Projeção de chuva pode aliviar seca no DF

 

Muita chuva em Mato Grosso do Sul

Cidades de Mato Grosso do Sul integram a lista dos 10 lugares que receberam os maiores volumes de chuva em 24 horas no Brasil, pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia.

Entre 10h do dia 25 e 10h do dia 26 de janeiro (hora de Brasília), choveu 111,0 milímetros em Nhumirim, 80,8 milímetros em Sidrolândia e 57,6 milímetros em Cassilândia.

CIDADES RELACIONADAS

Campo Grande - AL

19°
min

25°
max

2mm / 60%

Guará - DF


min

27°
max

0mm / 0%

FASES DA LUA

  • Crescente
    19/07
  • Cheia
    27/07
  • Minguante
    06/07
  • Nova
    12/07

ESTAÇÕES DO ANO

  • Inverno
    21/06
  • Primavera
    22/09
  • Verão
    21/12
  • Outono
    20/03