Recorde de calor em São Paulo

14/02/2017 às 17:38
por Josélia Pegorim

Atualizado 15/02/2017 às 11:02

Oferecimento
Ar fica mais seco em SP nos próximos dias

Recorde de calor em São Paulo

 A tarde de 14 de fevereiro foi a mais quente do ano até agora na cidade de São Paulo. A temperatura máxima foi 32,8°C registrada pelo Instituto Nacional de Meteorologia no Mirante de Santana, na zona norte da cidade, na leitura da temperatura feita às 22h, hora de Brasília. Às 15h já havia constatado o recorde com temperatura máxima de 32,3°C. O recorde anterior era 32,0°C, em 29 de janeiro.

A tarde de 14 de fevereiro também foi a mais seca do ano. O nível de umidade no ar às 16 horas (Brasília) no Mirante foi 39%.

 A previsão é que o calor aumente nesta quarta-feira e há possibilidade de um novo recorde.

Confira como vai ficar a temperatura em São Paulo nos próximos dias.

 

Entardecer em São Paulo em 13/2/17

 

 

Calor e ar seco em SP

Às 15 horas do dia 14 de fevereiro, pelas medições do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), cidades de São Paulo e do Rio De Janeiro estavam entre as dez mais quentes do país, disputando com cidades do Nordeste do Brasil.

Registro, na região do Vale do Ribeira, no sul de São Paulo, estava no topo da lista, com a temperatura de 35,1°C. A máxima chegou aos 35,3°C. Em segundo lugar ficou a cidade do Rio de Janeiro. Às 16h, as posições se inverteram e Registro passou para o segundo posto.

 

Apesar do calorão, praticamente não houve registro de chuva e o sol forte predominou no estado. A falta de nuvens carregadas e de pancadas de chuva reflete a grande diminuição da umidade no ar que ocorreu no estado de São Paulo nesta terça-feira, 14. Em Itapira e em Barueri, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 31% de umidade no ar às 16h. Em Barra Bonita, a umidade relativa do ar neste horário foi de 29%.

 

Alta pressão afasta a chuva

A redução da umidade, da chuva e o aumento do calor estão associados com a intensificação do sistema de alta pressão atmosférica (ASAS - Alta Subtropical do Atlântico Sul) sobre São Paulo. Esta alta pressão vai predominar sobre São Paulo por vários dias. A segunda quinzena de fevereiro deve ser marcada por dias de muito calor e com pouca chuva no estado de São Paulo. O forte sistema de alta pressão vai bloquear a chegada de frentes frias e do ar polar a São Paulo.

 

Calor aumenta no Sudeste e no Sul nos próximos dias

 

O calor continua em São Paulo nesta quarta-feira e todo o estado terá muito sol. O ar  fica mais seco na maior parte do interior, sem condições para chuva. Apenas no litoral, na Grande São Paulo, no Vale do Paraíba, no Vale do Ribeira e nas regiões de Campinas e de Sorocaba, há possibilidade para pancadas de chuva. Mesmo assim, a chuva deve ocorrer somente de forma bem isolada e passageira no fim da tarde.

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

14°
min

19°
max

35mm / 90%

Rio de Janeiro - RJ

17°
min

24°
max

20mm / 90%