Rajadas de vento passam dos 100 km/h no Sul do Brasil

07/01/2019 às 17:28
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Ventania está associada com forte queda da pressão atmosférica. Risco de ventos fortes persiste pelo menos até quarta-feira

A formação de um ciclone extratropical entre o Rio Grande do Sul e o Uruguai está provocando ventania sobre o Sul do Brasil. A acentuada queda da pressão atmosférica que ocorre para a formação do ciclone e as nuvens muito carregadas que se desenvolvem sobre a Região Sul provocam rajadas de vento muito intensas, acima dos 100 km/h.

 

A pressão atmosférica baixou para menos de 1000 hPa no Rio Grande do Sul, o que tecnicamente é uma situação de perigo e que induz a ventania. O aeroporto de Pelotas registrou 995 hPa às 15 horas (Brasília). No mesmo horário, o aeroporto Salgado Filho de Porto Alegre chegou a 1001 hPa. No aeroporto de Bagé, a pressão atmosférica baixou para 996 hPa às 14 horas (Brasília).

 

Estas rajadas começaram a ocorrer sobre o Sul do Brasil na madrugada desta segunda-feira, persistiram durante a tarde e ainda devem ocorrer durante e a noite, com ou sem a chuva, que também pode ser forte.

Durante esta terça-feira, 8 de janeiro,  o centro da baixa pressão atmosférica se desloca para o mar e as rajadas enfraquecem sobre a Região Sul. Mesmo assim, todos estados ainda devem ficar em atenção para ventos fortes, com rajadas que podem chegar aos 90 km/h.

Na quarta-feira, 9 de janeiro, a pressão atmosférica tem outra queda mais acentuada e volta a ficar abaixo dos 1000 hPa  entre o Paraguai e o norte da Argentina estimulando o aumento do vento sobre o Sul do Brasil. Neste dia, as rajadas podem passar dos 100 km/h novamente.

 

Entenda o que é uma rajada de vento e os danos que podem causar se forem muito intensas

 

Rajadas acima de 100 km/h

Os três estados  registraram rajadas da ordem de 90 km/h, mas no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina, as rajadas passaram dos 100 km/h. A mais intensa foi em Bom Jardim da Serra, no Morro da Igreja, que registrou até 118 km/h entre 12 horas e 13 horas.

Confira as rajadas de vento mais intensas no Sul do Brasil em 7/1/2019, até às 17 horas, com dados do Instituto Nacional de Meteorologia  e dos aeroportos.



Cidade

UF

Rajada (km/h)

hora

Bom Jardim da Serra/Morro da Igreja

SC

118

(entre 6h e 13h ocorreram rajadas acima de 100 km/h)

entre 12h e 13h

Uruguaiana (aeroporto)

RS

111

6h24

Canoas (aeroporto)

RS

102

15h37

Planalto

PR

95

entre 13h e 14h e entre 14h e 15h

Soledade

RS

95

entre 13h e 14h

Santa Rosa

RS

88

entre 11h e 12h

Palmeira das Missões

RS

88

entre 12h e 13h

Vacaria

RS

86

entre 15h e 16h

Porto Alegre (aeroporto)

RS

85

15h40

São José dos Ausentes

RS

85

entre 14h e 15h

Cruz Alta

RS

84

entre 12h e 13h

 

 

 

Foto de Claudinei Vieira, Apucarana (PR)

CIDADES RELACIONADAS

Porto Alegre - RS

11°
min

29°
max

0mm / 0%

Brasília - DF

12°
min

25°
max

0mm / 0%