Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Subvenção para seguro rural pode trazer tecnologia ao campo

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

5 min de leitura

A importância da liberação de R$ 27 milhões para o Programa Estadual de Subvenção do Seguro Rural, anunciada esta semana pelo Governo de São Paulo é importante e o aporte irá ajudar a universalizar a proteção, que além de indenizar prejuízos, é importante aliada na estratégia do produtor.

 

De acordo com o diretor técnico e agronegócios da Sancor Seguros, Wady Cury, por  meio da tecnologia em desenvolvimento pelas seguradoras, será possível acompanhar a evolução do Clima, com ferramentas que utilizam imagens de satélite, inteligência artificial e dados históricos climáticos. Desta forma, o agricultor tem previsões e pode se antecipar aos riscos, evitando perdas.

 

“O seguro agrícola está se transformando em um grande aliado do produtor na gestão dos seus riscos no campo. Por isso, as seguradoras estão desenvolvendo ferramentas tecnológicas para que se tenha uma ampla gestão dos riscos e o conhecimento prévio dos possíveis efeitos nas lavouras seguradas. Desta forma, o compartilhamento destas informações, decorrentes deste olhar tecnológico, irá unir as seguradoras aos produtores rurais”, destaca Cury.

 

O executivo avalia o cenário atual. Para ele, mesmo diante das alterações climáticas, a agricultura brasileira segue em boa fase e isto se deve ao papel cada vez maior das seguradoras protegendo as lavouras. Os recordes de produção dos últimos anos, segundo Cury, têm correlação com a crescente de indenizações.

 

Em 2020 foram pagos mais de R$ 2,5 bilhões, alta de 32%, em comparação com 2019, R$ 1,9 bilhão.

 

“O que temos observado é que as mudanças no clima têm provocado um aumento, não somente das frequências dos eventos, mas principalmente dos seus efeitos nas perdas da produção. Desta forma, se torna fundamental a participação do Estado — seja na esfera Federal, Estadual ou Municipal — na subvenção a este prêmio”.

 

Ainda em decorrência das alterações de clima, Cury exemplifica as culturas plantadas em todo o país e alerta para correntes riscos, durante todo o ano, tanto para as safras de inverno quanto para as safras de verão. “A safra de inverno tem culturas que são plantadas e desenvolvidas durante todo o primeiro semestre até a colheita, por ser um longo período, exige cuidados. Já a safra de verão, vem tendo recorrentes perdas, principalmente com relação à cultura de soja”, analisou.

 

Atualmente, a Sancor Seguros concentra 90% de suas operações nos estados do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul. “Estamos implantando uma nova estratégia de diversificação de culturas e pulverização dos riscos neste ‘continente’ chamado Brasil. São Paulo é uma das fronteiras que iniciamos a desenvolver na safra 2019-2020 e estamos cada vez mais ampliando nossa participação no programa de subvenção estadual”, disse Cury.

 

Agroclima PRO

 

Como planejar uma safra e monitorar sua fazenda?

 

Otimizar o plantio, ficar de olho no Clima para avançar com os trabalhos no campo e observar o desenvolvimento da cultura para evitar perdas são algumas das decisões que você produtor rural precisa tomar durante a safra. 

 

Agroclima Pro é um serviço de tecnologia da Climatempo que utiliza o conhecimento meteorológico. Com ele você pode acessar o histórico de dados de Clima para sua fazenda e pode detectar áreas com menor vigor vegetativo. Além disso, você fica sabendo como será a demanda hídrica da sua lavoura nos próximos 15 dias e ainda consegue identificar os melhores dias e horários para realizar as pulverizações.

 

+ mais notícias