Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Geada danifica 80% de todos os vinhedos da França

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

3 min de leitura

Foto: REUTERS - PASCAL ROSSIGNOL - Vinhas congeladas na Borgonha

 

O início da Primavera no Hemisfério Norte está sendo marcada por eventos adversos do Clima. Depois de uma final de março com temperaturas quentes, uma onda de frio atingiu de forma prejudicial os produtores de vinho e frutas da França. 

 

O governo francês declarou desastre agrícola depois que uma geada incomum dizimou plantações e destruiu vinhas em todo o país.

 

O ministro da Agricultura da França disse que a onda de frio com temperatura abaixo de zero na semana entre 06 e 08 de Abril, provocou perdas significativas na produção.

Jean Marie Ballere, chefe do CEEV, um grupo europeu de comerciários de vinhos, disse que a geada afetou 80% dos vinhedos franceses.   

 

Em regiões que vão do norte ao sudeste do país, o registro de perda ocasionada por geada não atingiu só as vinhas como outras plantações e culturas como: a beterraba. As temperaturas abaixo de zero nas regiões de Drome e Ardèche, no centro-sul da França, fizeram com que os produtores de frutas perdessem até 90%de suas colheitas de damasco e pêssego.

 

A associação nacional dos vinicultores CNIV alertou que a situação é grave e a produção deste ano será menor.

 

"Já sabemos que teremos uma safra muito baixa em 2021", disse Balliere.

 

 

Prática de acender fogueiras causa poluição do ar  

 

As chamadas geadas de primavera são um dos fenômenos climáticos mais temidos pelos produtores franceses. Normalmente, acontecem durante a brotação, período crucial para o desenvolvimento da vinha, quando os brotos e as primeiras folhas aparecem.

 

Os produtores de vinho da França tentaram sem sucesso acender milhares de pequenas fogueiras em uma tentativa de evitar que as vinhas sofressem com a geada, mas causaram uma camada de poluição no sudeste do país.

 

AQUECIMENTODAS VINHAS

Foto: site conexão Paris

 

A prática de acender fogueiras ou velas próximas as árvores para evitar formação de geada é uma técnica antiga usada no hemisfério Norte no início da primavera, quando os primeiros brotos verdes ficam expostos ao frio. 

 

Na quinta-feira, 8 de abril, o órgão regional de monitoramento da qualidade do ar, o Atmo Auvergne-Rhone-Alpes, emitiu um alerta sobre a poluição por partículas finas induzida pelo fogo na região sudeste, que inclui a cidade de Lyon. Alguns viticultores e fruticultores também usam máquinas eólicas para evitar o aparecimento de geadas e outros utilizam aspersores de água.

 

geada-4fRANÇA

Foto: site conexão Paris

 

Com informações da AFP

 

 

+ mais notícias