Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Conexão periferia - oceano

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

Cátedra Unesco para Sustentabilidade do Oceano

3 min de leitura

Na semana em que comemoramos o Dia Mundial do Oceano (8 de junho), a  Cátedra UNESCO para Sustentabilidade do Oceano promove um debate para trazer uma visão diferente da relação das pessoas com o oceano: qual a importância e relação do mar para quem mora na periferia das grandes cidades?


A evento chamado de Conexão Periferia-Oceano acontece nesta quinta-feira, 10 de junho de 20210, às 19 horas, com transmissão online pelo canal do Youtube da Cátedra Unesco

Conexão Periferia - Oceano

 


Conexão Periferia- Oceano

 

Todos estão de alguma forma ligados com o oceano. Muita gente mora nas áreas litorâneas e deixa de notar mudanças no mar, pois se acostuma com seu som e sua presença. Para uns, o oceano é a segunda casa, lugar de trabalho diário, de sustento e de identificação emocional. Para outros, é lazer por poucos dias e para muitas pessoas, ver o mar é só um sonho que talvez nem seja realizado e fique apenas como uma fotografia no celular.

 

Existe ainda um grupo de pessoas que mora em cidades litorâneas, ou muito próximas do mar e que mesmo assim não tem acesso fácil ao lazer e às oportunidades de trabalho que o mar pode oferecer.

 

O debate Conexão Periferia - Oceano promovido pela Cátedra UNESCO para Sustentabilidade do Oceano nesta quinta, 10 de junho, abre espaço para esta visão social, para que se possa conhecer e ouvir as pessoas de comunidades periféricas e seus projetos, e como se relacionam com o oceano e sustentabilidade

 

O debate contará com a participação de Carlos Belo da Silva, mais conhecido como Mistesurf, morador da favela da Rocinha, no Rio De Janeiro. Ele é idealizador do projeto Vivendo Um Sonho Surf  e também é presidente da Associação de Surf de São Conrado 

 

O evento Conexão Periferia - Oceano traz também a visão da jovem Lorena Froz, moradora do Complexo da Maré, na cidade do Rio de Janeiro. Ela é natural de Belém do Pará,  técnica em Meio Ambiente pelo Colégio Pedro II e graduanda de Engenharia Ambiental e Sanitária na UERJ. 

 

Lorena Froz é a idealizadora do Faveleira, de cria pra cria, nas redes sociais,  plataforma de educação ambiental periférica. Articuladora e Mobilizadora Territorial da Redes de Desenvolvimento da Maré e estagiária de sustentabilidade da empresa Pet Five Brands.

 

Saiba mais sobre Década do Oceano e venha fazer parte da #geraçãooceano.  Junte-se à  #OceanDecade!


2021/2030 é a Década da Ciência Oceânica. Entre nessa onda! 

 

 

O oceano que precisamos para o futuro que queremos

#geraçãooceano

#OceanDecade

+ mais notícias