Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Sul de MG foi a localidade cafeeira mais afetadas pela geada

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

4 min de leitura

Foto: Helton Sena de Souza - Campo Belo - MG

 

De acordo com a Emater-MG, 8.610 cafeicultores de 154 municípios da região foram atingidos pela geada, numa área estimada em pouco mais de 123 mil hectares de lavouras. Mais de 70% das áreas de cafeicultura atingidas no estado pelas geadas em julho estão localizadas na região do Sul de Minas, principal região produtora de café do estado.

 

O produtor João Inácio Silva Citton, de Guaxupé, estima que teve prejuízo de cerca de R$ 100 mil nas lavouras que estavam em formação e foram danificadas pela geada.

 

“O agricultor, em especial na cafeicultura, já vem sofrendo com a estiagem desde 2019, mas este ano foi mais atípico porque a chuva parou um pouco antes e veio esta geada muito forte. A gente poder contar com o apoio da assistência técnica pública faz toda a diferença, porque, para o pequeno produtor, pagar por uma assistência técnica particular se torna inviável”, disse.

 

Já o produtor Renato Senedese Pereira Ribeiro, de Bom Jesus da Penha, perdeu 45% de sua produção de café.

 

“É muito triste a realidade do produtor, que tem uma empresa a céu aberto. A Emater vem ajudando, fazendo laudo de produção para ver a realidade de cada um. Foi muito bom o governador vir conhecer a realidade dos produtores”, afirmou.

 

 

Números

 

Minas Gerais é o maior produtor de café do Brasil. O país é considerado o fornecedor mundial número um do produto. Em 2020, a safra da região do Sul de Minas de 19,2 milhões de sacas respondeu por 55% da produção estadual. Em 2020, a safra mineira foi recorde e alcançou 34,6 milhões de sacas, representando 54% da produção nacional.

 

O café é carro-chefe da agricultura mineira, se destacando também na balança comercial, representando atualmente 39% da pauta de exportações do agronegócio do estado, com US$ 2,67 bilhões de receita e 18,5 milhões de sacas embarcadas no período de janeiro a agosto deste ano.

 

Força tarefa

 

Uma força-tarefa de apoio aos produtores foi criada, envolvendo os órgãos do sistema estadual de Agricultura. O Ministério da Agricultura liberou R$ 1,3 bilhão do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé) especificamente para os cafeicultores atingidos pela geada.

 

Como planejar uma safra e monitorar sua fazenda?

 

Otimizar o plantio, ficar de olho no Clima para avançar com os trabalhos no campo e observar o desenvolvimento da cultura para evitar perdas são algumas das decisões que você produtor rural precisa tomar durante a safra. 

 

Agroclima Pro é um serviço de tecnologia da Climatempo que utiliza o conhecimento meteorológico. Com ele você pode acessar o histórico de dados de Clima para sua fazenda e pode detectar áreas com menor vigor vegetativo. Além disso, você fica sabendo como será a demanda hídrica da sua lavoura nos próximos 15 dias e ainda consegue identificar os melhores dias e horários para realizar as pulverizações. 

 

Faça parte da maior comunidade AGRO!
O canal oficial da Climatempo no Telegram fornece conteúdos diários e exclusivos sobre o Clima e previsão para a agricultura. Quero fazer parte!

 

+ mais notícias