Cantareira: a chuva que não faz diferença

20/10/2014 às 16:24
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Quando veremos a água cobrir novamente a terra seca?
O calor intenso e a chegada de uma frente fria a São Paulo estimularam a formação de áreas de instabilidade que provocaram fortes pancadas de chuva em muitas regiões paulistas.
A chuva caiu com moderada a forte intensidade também sobre o Sistema Cantareira.  O volume acumulado variou de cerca de 10mm e 30mm sobre as barragens do Sistema Cantareira, segundo medições do Sistema de Alerta a Inundações de São Paulo, da Fundação Centro de Tecnológico de Hidráulica.  Em um local choveu aproximadamente 32 mm, o que corresponde a 24% da média de chuva para outubro no Cntareira, que fica em torno de 131 mm.
​Apesar da chuva forte, o nível do Sistema Cantareira baixou 0,1% entre a manhã do dia 19 e a manhã de 20 de outubro. O Sistema Alto Tietê baixou 0,2%.
Afinal, que chuva é essa que cai e não faz diferença no nível dos reservatórios? A meteorologista Josélia Pegorim explica o efeito das primeiras chuvas da primavera.

Os mapas  mostram a estimativa de chuva para os próximos 15 dias para o Sistema Cantareira, que aparece desenhado em roxo. A chuva diminui até a a quinta-feira e volta a aumentar a partir da sexta, 24 de outubro.

        Frente fria provocou chuva sobre o Cantareira   Como fica o Cantareira em 2015?     Quela a tendência da chuva em novembro no Brasil?  

FASES DA LUA

  • Nova
    19/10
  • Crescente
    27/10
  • Cheia
    05/10
  • Minguante
    12/10

ESTAÇÕES DO ANO

  • Primavera
    22/09
  • Verão
    21/12
  • Outono
    20/03
  • Inverno
    21/06