Secura no Centro-Oeste e Sudeste do Brasil – estado de alerta

14/07/2011 às 15:43
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Esta
quinta-feira está sendo mais um dia de ar muito seco em todo o Centro-Oeste do Brasil, como é comum nesta época do ano. Mas os níveis de umidade do ar estão ainda mais baixos do que ontem e várias áreas da Região entraram novamente no “estado de alerta”, por conta do ar muito seco. Pelos padrões da Organização Mundial da Saúde, o "estado de alerta" é caracterizado por níveis de umidade relativa do ar (URA) entre 12% e 20%. Às 14 horas, medições do Inmet - Instituto Nacional de Meteorologia – indicavam 14% de umidade no em Campo Verde (MT), 15% em Santo Antonio do Leste, 16% em Rondonópolis, 18% em Paranatinga, 19% em Água Boa e Guiratinga, 20% em Cuiabá e Gaúcha do Norte. Em Mato Grosso do Sul, o aeroporto de Campo Grande registrava apenas 14% de umidade no ar, às 15 horas. O Instituto Nacional de Meteorologia registrava às 14 horas níveis de umidade de 15% em Chapadão do Sul, 16% em Sidrolândia e Água Clara, 18% em Coxim, Maracaju e Cassilândia. No estádio de Goiás, o ar também estava muito seco e o nível de umidade no ar chegava a apenas 14% na região de Jataí, 20% em São Simão. Não há expectativa de aumento significativo dos níveis de umidade do ar no Centro-Oeste no Sudeste do Brasil nas próximas 24 horas. Assim, nesta sexta-feira, várias áreas destas duas Regiões devem ter novamente índices de umidade do ar muito baixos, com risco de entrar no “estado de alerta”. No sábado, o centro da massa de ar seco (centro alta pressão em torno de 5000 metros de altura) tende a se deslocar para o Sudeste. Nesta situação, um ligeiro aumento dos níveis de umidade deve ocorrer no Centro-Oeste, mas não se poderá descartar “estado de alerta” em algumas áreas, em particular em Goiás e no Distrito Federal. O deslocamento do centro da massa de ar seco para o Sudeste vai fazer com que os níveis de umidade do ar fiquem ainda mais baixos e várias áreas da Região poderão entrar no “estado de alerta”. Ar seco em SP: estado de alerta no norte e oeste do Estado Os níveis de umidade do ar baixaram ainda mais no norte e oeste do Estado de São Paulo nesta tarde e várias áreas entraram no "estado de alerta", por conta do ar muito seco. Pelos padrões da Organização Mundial da Saúde, o "estado de alerta" é caracterizado por níveis de umidade relativa do ar (URA) entre 12% e 20%. Às 14 horas, medições feitas pelo Inmet - Instituto Nacional de Meteorologia - registravam 16% de URA na região de Jales e de Votuporanga e apenas 15% em Valparaíso. Votuporanga e Valparaíso entraram em alerta por volta do meio-dia. Em Presidente Prudente, o "estado de alerta" foi caracterizado às 14 horas, com URA de 19% na região do aeroporto local, mas às 15 horas o índice baixou para 14%.

CIDADES RELACIONADAS

Cuiabá - MT

23°
min

34°
max

8mm / 83%

Aracaju - SE

24°
min

32°
max

5mm / 90%