Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Como vai ficar a chuva no BR no início de maio?

29/04/2016 às 15:21
por Josélia Pegorim

Durante as primeiras três semanas de abril, a forte atuação do sistema de alta pressão subtropical do Atlântico Sul, abreviado como ASAS, causou uma intensa subsidência do ar sobre o Brasil, o que causou uma grande diminuição da nebulosidade e da chuva sobre o país.

Na maioria das áreas do Brasil, a quantidade média de chuva em abril tem acentuada redução em relação ao verão. Já é um mês de pouca chuva especialmente sobre o Sudeste e sobre o Centro-Oeste. Mas a atuação atípica da ASAS em abril de 2016 fez com que o mês tivesse muito menos chuva do que o normal. A redução da chuva e da nebulosidade, com o bloqueio causado pela ASAS, fez com que e temperatura ficasse muito acima do normal. A atuação mais intensa da ASAS antecipou o período normal de estiagem.

 

 

Na última semana de abril, uma grande a forte massa de ar polar se espalhou sobre o Brasil, influenciando o Sul, o Sudeste, o Centro-Oeste e muitas áreas da Região Norte. A passagem do ar polar sobre uma região causa queda da temperatura e também a diminuição do teor de umidade. O ar polar é naturalmente seco. Assim, após a passagem do ar polar, a atmosfera fica mais seca, com menos umidade, o que reduz aas condições para chuva.

Com a influência de uma intensa massa de ar polar logo após um período prolongado de atuação da ASAS, como ficará a chuva e a temperatura na primeira quinzena de maio? É preciso lembrar que, a partir de agora, a chuva vai ficar cada vez mais dependente da passagem de frentes frias pelo país.

 

 

 

A meteorologista Josélia Pegorim faz um panorama do comportamento da temperatura e da chuva no país na primeira quinzena de maio.