Notícias

Destaques Climatempo » Calor passa dos 40°C em MG e chega a quase 39°C no ES

A primavera começa na madrugada da segunda-feira, 23 de setembro, às 4h50 pelo horário de Brasília. Os últimos dias do inverno de 2019 devem ser muito quentes na maioria das áreas da Região Sudeste, mesmo com o avanço de uma frente fria que vai provocar chuva em todos os estados. Mas a chuva não será generalizada e antes de começar a chover, o calor aumenta. O norte e o leste de Minas Gerais vão ficar entre as regiões mais quentes do país, com calor acima dos 40°C.

 

Na tarde do dia 19 de setembro, São Romão, no noroeste mineiro, registrou 41,5°C, a maior temperatura no Brasil pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). Em Belo Horizonte, a máxima foi de 34,7°C e o recorde de calor atual para 2019 é de 35,5°C ocorrido em 13 de setembro.

 

Outras cidades mineiras também sentiram o calor de 40°C. Confira as temperaturas registradas pelo INMET.

São Romão: 41,5°C

Arinos: 40,5°C

Janaúba: 40,1°C

Unaí: 40,0°C

Coronel Pacheco: 39,9°C

Montalvânia: 39,5°C

 

O aumento do calor no Espírito Santo também chamou a atenção na tarde da quinta-feira, 19 de setembro. O INMET registrou 38,9°C em Alegre, 37,3°C em Alfredo Chaves, 35,1°C em Marilândia. Na capital, Vitória, a temperatura chegou aos 33,5°C. O recorde de calor atual na capital capixaba é de 37,7°C em fevereiro.



 

Foto de Hegel José Bernardes, Belo Horizonte (MG)

 

 

Calorão com horas contadas em SP e no RJ

No estado de São Paulo, o calorão ainda é sentido nesta sexta,20, mesmo com previsão de pancadas de chuva para todo o estado. A chance de chuva aumenta também na Grande São Paulo. mas a chuva e o vento fresco de uma frente fria baixam muito a temperatura no fim de semana.

 

A previsão é parecida para o estado do Rio de Janeiro: calor intenso nesta sexta, com marcas próximas dos 40°C na cidade do Rio de Janeiro,  e diminuição da temperatura durante no fim de semana por causa de uma frente fria. Tem previsão de chuva na noite desta sexta para o Grande Rio, região Serrana e Sul Fluminense, mas deve chover em todo o estado no estado no fim de semana.

 

Temperatura sobe mais em MG e no ES

Minas Gerais, especialmente o leste e o norte do estado, e o Espírito Santo devem ficar mais quentes nesta sexta-feira, 20, e vai ter muito calor também no fim de semana, mesmo com a expectativa de pancadas de chuva para algumas áreas dos dois estados. 

 

O calor passa dos 40°C nesta sexta-feira no norte de Minas Gerais e Belo Horizonte tem chance de bater o recorde de calor para 2019. Há chance de pancadas de chuva no fim da tarde ou à noite no Sul de Minas e na região da Zona da Mata.

 

Já o Espírito Santo fica ensolarado e com altas temperaturas, mesmo com rajadas de vento entre 40 km/h e 60 km/h. 

 

No fim de semana, com o avanço de uma frente fria pelo Sudeste, as pancadas de chuva poderão ocorrer em mais áreas mineiras e chegam ao Espírito Santo. No sábado, o Triângulo Mineiro deve ter um pouco de chuva. No domingo, a previsão é de pancadas de chuva para a região de Belo Horizonte, em parte do Vale do Rio Doce, no sul do Espírito Santo e região da Grande Vitória.

 

Não há previsão de chuva para o noroeste de Minas e nem para o Vale do Jequitinhonha. Estas regiões devem registrar mais de 40° também no fim de semana.


Tempo Real

Condições da Chuva
Baia de Guanabara Normalidade
Baia de Sepetiba Normalidade
Barra/Jacarepagua Normalidade
Zona Sul Normalidade
Legenda: Baixa Média Alta
Probabilidade de Escorregamentos
Baia de Guanabara Baixa
Baia de Sepetiba Baixa
Barra/Jacarepagua Baixa
Zona Sul Baixa
Legenda: Baixa Média Alta Muito Alta

Copyright Climatempo 2011. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução.
Este convênio tem por objeto a integração de esforços para o DESENVOLVIMENTO TÉCNICO e DIVULGAÇÃO das informações do Sistema de Alerta de Chuvas Intensas e de Deslizamentos em Encostas da Cidade do Rio de Janeiro (Sistema AlertaRio) e imagens de instrumentos técnicos integrantes deste sistema, mediante repasse de informações técnicas e demais dados entre a PREFEITURA DO MUNICIPIO DO RIO DE JANEIRO, GEO-RIO e CLIMATEMPO.