Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Semana promete mudanças no Rio de Janeiro

16/08/2015 às 13:37
por Michele Fernandes

O forte bloqueio atmosférico que se configurou sobre o Sul e o Sudeste do país, impediu o avanço de frentes frias nas últimas semanas, garantindo dias ensolarados, com temperaturas elevadas e umidade muito baixa principalmente no Sudeste. As frentes frias que, porventura, chegavam ao Sul, ficavam bloqueadas entre o Uruguai e o Rio Grande do Sul; desta forma, a chuva ficou confinada em áreas - principalmente - da Fronteira Oeste, Campanha e Sul gaúchos.

 

 Na imagem a seguir, é possível verificar onde a chuva se concentrou na última semana:

 

 

Como é possível verificar, os maiores acumulados de chuva na última semana se concentraram em extremos do País; os municípios do Rio Grande do Sul que fazem fronteira com o Uruguai, chegaram a acumular até 100mm de chuva. Já em Roraima, norte e oeste do Amazonas e no Acre, os acumulados variaram entre 30 e 40mm. Em grande parte do País, por outro lado, o ar seco predominou, inibindo a formação de nuvens e garantindo dias ensolarados e com umidade muito baixa durante a tarde.

 

Mas começamos esta segunda quinzena de Agosto com mudanças no cenário que se estabeleceu sobre a maior parte do Brasil! Uma frente fria finalmente conseguirá romper o bloqueio atmosférico que se configurou sobre o País. 

 

No Rio de Janeiro, a nebulosidade já começa a aumentar na quarta-feira, e devido à aproximação do sistema frontal, entre a tarde e a noite de quarta-feira, já podem ocorrer rajadas de vento moderadas no centro-sul fluminense, inclusive na Capital. Ainda assim, como haverá uma intensificação dos ventos de noroeste, a temperatura continuará elevada em todo o Estado. Na quinta-feira, por outro lado, a frente fria avança rapidamente pelo litoral e volta a provocar chuva em todo o Rio de Janeiro. Embora volte a chover, não são esperados grandes acumulados de chuva. A boa notícia é que, com a chuva e os ventos mais moderados, a qualidade do ar volta a melhorar no Grande Rio; haverá um aumento na umidade relativa do ar e a dispersão dos poluentes atmosféricos. E além da chuva, teremos uma acentuada queda de temperatura; na quarta-feira, a máxima chega aos 32 °C, enquanto na quinta-feira, não deve passar dos 26 °C, mas por causa dos ventos, a sensação de frio será maior.

 

Estas temperaturas mais baixas, no entanto, estão com os dias contados! Apenas na quinta-feira e na sexta-feira as temperaturas devem ficar mais amenas na Capital, mas no fim de semana já volta a esquentar e o tempo também já volta a ficar firme.