Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Ventos de quase 140 km/h em Alta Floresta (MT)

23/10/2015 às 22:59
por Josélia Pegorim

Tempestade de areia e redemoinho em Alta Floresta (MT)

Nuvens muito carregadas passaram sobre o norte de Mato Grosso na noite de 23 de outubro e 2015 provocando chuva com raios, mas principalmente intensa ventania.

O aeroporto de Alta Floresta registrou uma sequência de rajadas extremamente fortes e também fenômenos meteorológicos pouco comuns: tempestade de areia e redemoinho de vento.

As informações codificadas das condições meteorológicas no local (METAR) são mostradas abaixo. A sigla SS (do inglês, sandstorm) indica a tempestade de areia. A sigla PO (dust/ sande whirl – dust devils) é a codificação do redemoinho observado. A sigla TS (thunderstorm) indica trovoada sem chuva no local.

 

 

 

Entre 18h30 (hora de Brasília, 2030Z) e 20h (2200Z) ocorreram várias rajadas de vento com velocidade de 75 nós (75 KT) que corresponde a 138 km/h. Rajadas de vento desta ordem são comparáveis as provocadas por um furacão de categoria 1 na escala Saffir – Simpson que vai de 1 a 5. Por esta escala, um furacão de categoria 1 tem ventos entre 119 km/h e 153 km/h. Um furacão de categoria 5, como está sendo considerado Patricia que avança sobre o México, tem ventos acima de 252 km/h.

 

 

 

As nuvens que passaram sobre Alta Floresta aparecem como manchas em tom vermelho escuro no norte de Mato Grosso. A segunda imagem corresponde a situação de meia horas antes do início da ventania. Elas vieram do Tocantins e atravessaram o norte de Mato Grosso. Por volta das 21h30 (hora de Brasília), este aglomerado de nuvens estava menos intenso e se aproximava de Rondônia e do sudeste do Amazonas, onde são esperados temporais também.

O ar muito quente sobre a região de Alta Floresta ajudou a potencializar a tempestade. A temperatura chegou aos 39°C. Pela manhã, a fumaça de queimadas encobria a região e a visibilidade ficou prejudicada por várias horas.

 

Não se pode descartar que tenha ocorrido na região fenômenos como um tornado, microburst, macroburst ou downburst.

 

 

 

 

Relembre: Tempo severo em Panorama

 

Tempestade de areia em Campos Novos Paulista, no interior de São Paulo, em 22 de outubro de 2015. As imagens são de Emerson Andrade Campos.

Veja vídeos de outros fenômenos meteorológicos compartilhados com a Climatempo.