Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Menos calor e mais umidade em BH

10/08/2016 às 21:48
por Josélia Pegorim

Atualizado 11/08/2016 às 10:36

A população de Belo Horizonte sente nesta quinta-feira a queda da temperatura e o aumento da umidade do ar provocados pela frente fria que avança sobre a Região Sudeste.

Na região do aeroporto da Pampulha, o nível de umidade no ar às 10 horas de hoje era de 60% contra 32% no mesmo horário ontem. A temperatura às 10 horas era de 22°C e ontem a esta hora era de 26°C

A combinação do ar polar com a grande quantidade de nuvens reduz o calor. Todo o Sul de Minas e a Zona da Mata Mineira também têm uma quinta-feira fria. O ar polar chega ao Vale do Rio Doce e a temperatura também baixa por lá. Vai refrescar nesta sexta-feira no vale do Jequitinhonha.

Várias cidades do Sul de Minas registram hoje temperatura abaixo dos 6°C. A menor, pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia, foi 0,7°C em Monte Verde. Caldas registrou 2,4°C, Maria da Fé teve mínima de 3,3°C e São Sebastião do Paraíso registrou 5,8°C

A chuva desta frente fria se espalhou sobre cidades da Zona da Mata Mineira na noite da quarta-feira e deve cair em áreas da Grande Belo Horizonte e no Vale do Rio Doce durante esta quinta-feira.

Belo Horizonte está há 62 dias sem chuva. Pelas medições do Instituto Nacional de Meteorologia, a última chuva ocorreu entre nos dias 8 e 9 de junho, mas foi fraca. Choveu forte nos primeiros quatro dias de junho.

A passagem desta frente fria renova a expectativa de chuva, mas isto não quer dizer que o período de estiagem vai terminar mais cedo este ano. O tempo muito seco é uma das características de agosto em Minas Gerais, como em toda a Região Sudeste.

A partir de sexta-feira, a nebulosidade volta a diminuir, o sol reaparece com força e temperatura sobe. Para o fim de semana, a previsão é de sol e algumas nuvens, mas pouca chance de chuva.

Tarde mais quente em 5 meses

A tarde de 10 de agosto foi a mais quente em Belo Horizonte dos últimos 5 meses. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou 31,5°C às 15 horas, a maior temperatura na capital mineira desde 10 de março quando a máxima também foi de 31,5°C.

Além do calor, que já havia se aproximado dos 31°C na tarde de terça-feira, a população de Belo Horizonte sentiu a secura do ar. O nível de umidade às 15 horas foi de apenas 22%.