Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Chuva e ar polar à vista

15/10/2014 às 20:50
por Josélia Pegorim

Os focos de fogo aumentaram esta semana sobre o Sudeste com o calor extremo e a secura do ar. A fumaça se espalhou sobre Belo Horizonte  e desde o começo da semana é avistada nas montanhas da serra dos Órgãos, no Rio de Janeiro, e também na serra do Japi, entre a Grande São Paulo e Campinas.

Nos últimos dias, Minas Gerais tem liderado a lista dos estados com maior quantidade de focos de fogo em 48 horas, pelo monitoramento do INPE – Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais.

O calor da primeira quinzena de outubro vai entrar para a lista de eventos meteorológicos especiais do Brasil. Temperaturas extremamente elevadas, acima dos 40°C estão sendo registradas nos últimos 4 dias, em particular nos estados do Centro-Oeste e do Sudeste. Quase todas as capitais destas Regiões estabeleceram novos recordes de calor para 2014 entre os dias 11 e 15 de outubro. A temperatura de 42,9°C em Coxim, em Mato Grosso do Sul, registrada pelo Instituto Nacional de Meteorologia em 15 de outubro de 2014 ficou entre as 10 maiores temperaturas medidas no Brasil por órgãos oficiais de monitoramento meteorológico.

Muitas áreas do Sudeste, do Centro-Oeste, do interior do Nordeste, o Tocantins e o interior do Paraná estão tendo uma semana com níveis de umidade abaixo dos 20%, num período de 6 horas a 10 horas consecutivas. O nível médio recomendado pela Organização Mundial da Saúde para o conforto humano é de 60%. Em Ibotirama, na Bahia, a umidade baixou para 9% na tarde de 15 de outubro.

Só uma grande frente fria conseguirá mudar este quadro de secura e calor extremos. Ela está chegando! Confira o comentário da meteorologista Josélia Pegorim .