Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Chuva no Paraná, mas sem temporal

29/04/2010 às 07:48
por Josélia Pegorim

Vár
ias localidades do interior do Paraná voltaram a registrar pancadas de chuva desde a tarde de ontem. A quinta-feira amanheceu com áreas de chuva de fraca a moderada intensidade e até alguns raios, na parte norte e oeste do Estado.  O dia segue instável no Paraná e as pancadas de chuva poderão ocorrer por quase todo o Estado, inclusive na Grande Curitiba, mas não há risco de voltar a chover de maneira volumosa e generalizada, como no começo desta semana. A chuva excessiva causou enchentes e deslizamentos de terrenos. A chuva desta quinta-feira não é de uma nova frente fria. As nuvens carregadas estão se formando novamente por conta do bloqueio atmosférico que ainda é observado sobre o Brasil. A circulação de ventos sobre o país, em vários níveis da atmosfera, está forçando a concentração da umidade em parte da Região Sul. Por outro lado, a presença de ar polar deixa a temperatura amena, o que dificulta o crescimento de uma maior quantidade de nuvens pesadas. Estas áreas de instabilidade podem provocar um pouco de chuva também no vale do Itajaí, em Santa Catarina, mas não há risco de novos temporais.  Nas demais áreas catarinenses, a nebulosidade até aumenta no decorrer do dia, mas o sol continua aparecendo e a chance de chuva é pequena. Como o Paraná, o Estado de Santa Catarina teve muita chuva entre os dias 21 e 26 de abril, que causou o transbordamento de rios e deslizamentos de terra. Já no Rio Grande do Sul, o ar polar atua com mais força, o dia segue frio e com sol, não havendo expectativa de chuva. Por conta das baixas temperaturas, várias áreas do Estado amanheceram com nevoeiro ou névoa, mas que se dissipam aos poucos deixando o sol aparecer forte.

Instabilidade aumenta no início da semana que vem

  A tendência para amanhã é de que as áreas de instabilidade não se formem mais sobre o Sul do Brasil.  A chance de chuva diminui bastante também no Paraná. O fim de semana deve ser com predomínio de sol no Sul do Brasil e elevação de temperatura, porém com sensação de frio na madrugada e início da manhã.  Há condições para a formação de nevoeiro e várias áreas dos três estados poderá ter problemas com má visibilidade no início da manhã. Porém, há vários dias, as análises meteorológicas futuras indicam a passagem de uma área de baixa pressão sobre o Sul do Brasil entre o domingo e a segunda-feira da semana que vem. Este tipo de sistema facilita o crescimento de grandes áreas de chuva e muitas vezes de forte intensidade.  O Sul do Brasil volta a ter uma situação de atenção a partir da tarde do domingo, quando esta área de baixa pressão deve estar mais próxima da Região. A formação das nuvens mais carregadas e do aumento da chuva são esperadas especialmente para a segunda-feira.