Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Muita chuva no litoral do Pará

20/01/2011 às 11:52
por Josélia Pegorim

Áre
as de instabilidade tropicais se intensificaram sobre o extremo norte do Brasil deixando as nuvens mais carregadas no litoral do Pará. Em Belém, capital do Estado, chove quase sem parar desde a tarde de ontem. Entre 10 horas de ontem e 10 horas desta quinta-feira, o Inmet registrou 64,8milímetros de chuva acumulados em Belém. Em Soure, na ilha de Marajó, choveu quase 71 milímetros neste período.  Em Tracuateua foram acumulados aproximadamente 147 milímetros e em Cametá, quase 122 milímetros. Estes volumes de chuva são bastante elevados, para qualquer lugar do Brasil, mas passam a ser cada vez mais comuns no litoral do Pará no decorrer do verão.  Em Belém, segundo o Inmet, já choveu 258 milímetros do dia 1 de janeiro até 10 horas do dia 20. Este total corresponde a 70% da média de chuva para janeiro. Na época de seca, entre julho e novembro, esta região do Brasil tem dias ensolarados, com poucas pancadas de chuva. Dezembro marca o início do retorno das chuvas mais fortes e regulares. Mas é em janeiro que a chuva começa a ficar realmente volumosa e frequente.  Na linguagem popular do Pará, está começando o "inverno". Este "inverno" é época quando chove muito e os dias são sempre com muita nebulosidade, muitos quentes e úmidos, mas com uma quantidade de horas de sol forte bem menor do que o período de seca. Em Belém, a média de chuva normal para janeiro é de 366,5 milímetros. Das 209 estações meteorológicas convencionais do Instituto Nacional de Meteorologia, a média de chuva de Belém é a segunda mais alta do Brasil. Perde apenas para Soure, na ilha de Marajó, onde a média de chuva em janeiro é de quase 418 milímetros.