Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Rio de Janeiro tem tarde mais fria do inverno

15/07/2009 às 18:26
por Josélia Pegorim

Apó
s a passagem de uma frente fria, nesta última terça-feira, uma massa de ar polar trouxe ventos frios e úmidos para a o Estado do Rio de Janeiro e para o leste de e sul do Estado de São Paulo. A queda da temperatura e o aumento da umidade formaram uma densa camada de nuvens baixas que provocaram chuva leve também nas cidades de São Paulo e do Rio Janeiro. Além da chuva, as capitais passaram o dia com céu nublado e baixa temperatura. No Rio de Janeiro, a tarde desta quarta-feira, 15 de julho, foi a mais fria desde o começo do inverno. Mais que isso. Junto com o dia 13 de junho, a tarde desta quarta-feira foi a mais fria de 2009, até agora. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, a temperatura máxima na capital fluminense foi de 22,5ºC, na estação medidora da Praça Mauá, no centro do Rio de Janeiro. Em São Paulo, os termômetros nem passaram dos 19ºC. No Mirante de Santana, na zona norte da capital paulista, a máxima às 15 horas foi de 18,1ºC. Na região do aeroporto de Congonhas, na zona sul, a temperatura não passou dos 16ºC. Mas o dia não foi e úmido em todo o Estado São Paulo. A umidade ficou concentrada nas áreas mais próximas ao litoral. A imagem de satélite revela o acentuado contraste de umidade que foi observado nesta quarta-feira sobre o Estado de São Paulo. Esta imagem corresponde ao horário aproximado das 14h30. A cor preta indica a quase total ausência de nuvens, resultado da baixa umidade do ar. As áreas brancas são nuvens, no caso nuvens baixas, que encobriam o céu também na Grande São Paulo. uraSP15julho2009 Nesta quinta-feira, o ar seco ganha força no Sudeste do Brasil e o sol vai reaparecer em São Paulo e no Rio de Janeiro.