Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Risco de geada é alto nesta terça-feira em todo o Sul, no sul de MS e em SP. Pode gear na Grande São Paulo.

27/06/2011 às 13:38
por Josélia Pegorim

ong>Risco de geada é alto nesta terça-feira em todo o Sul, no sul de MS e em SP. Pode gear na Grande São Paulo. Forte massa polar ainda provoca frio intenso em áreas do Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Norte do Brasil Risco de geada é alto nesta terça-feira em todo o Sul, no sul de MS e em SP. Pode gear na Grande São Paulo. Uma grande e forte massa de ar polar entrou no Brasil trazendo frio intenso para áreas de quase todas as Regiões do país. Temperaturas abaixo de zero, neve, geada e novos recordes de frio foram observados nesta segunda-feira em áreas do Sul, Sudeste, Centro-Oeste e até do Norte do país. Nesta segunda-feira, apenas o Nordeste ainda não sentia os efeitos desta onda de frio. O ar polar avançou para o sul da Região Norte, provocando o fenômeno da friagem. Em Rio Branco, a temperatura baixou para 13ºC, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), sendo este o novo recorde de frio para 2011, até agora. No sul de Rondônia, a temperatura baixou para 9ºC, na região do aeroporto local. Cuiabá, capital de Mato Grosso, registrou um novo recorde de frio, com temperatura de 10,6ºC, segundo o Inmet. Em Mato Grosso do Sul, o frio intenso provocou geada no sul do Estado. Em Amambaí, a temperatura chegou a 1ºC abaixo de zero. Na capital, Campo Grande, a população sentiu um frio em torno dos 4ºC no começo da manhã. Áreas do oeste e sul de São Paulo também registram temperatura muito baixas. Em Barra Turvo, no sul do Estado, fez 1,7ºC e em Presidente Prudente, 3,1ºC. Os dados são do Inmet. No Sul do Brasil, geou até com forte intensidade. A menor temperatura na Região foi de 5,7ºC abaixo de zero, em Urubici, na parte mais elevada da serra catarinense. Mas muitas outras localidades do interior dos três estados do Sul amanheceram esta segunda-feira com temperaturas negativas.Curitiba e Florianópolis bateram o recorde de frio de 2011. Na capital do Paraná, a temperatura baixou para 0,3ºC e o recorde de frio anterior era de 3,4ºC, em 11 de junho. Em Florianópolis, a mínima foi de 6,2ºC, também de acordo com a medição do Inmet. O recorde anterior de frio era de 6,3ºC, em 5 de junho. Mais geada e frio intenso amanhã O frio intenso persiste nesta terça-feira, 28 de junho, e há condições para geada em todas as regiões do Rio Grande do Sul, incluindo a Grande Porto Alegre. Deve gear em praticamente todo o Estado de Santa Catarina e no Paraná, menos no litoral destes Estados. Há condições para geada na Grande Curitiba. A geada poderá ser de moderada a forte intensidade em muitas áreas. A geada também deve ser formar nesta terça-feira em áreas do centro-sul, oeste e leste do Estado de São Paulo, onde estão cidades como Sorocaba, Bauru e Presidente Prudente. Pode gear até em áreas da Grande São Paulo. Há condições para geada também no centro-sul de Mato Grosso do Sul.