Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

São Paulo vai ficar menos fria e mais poluída

14/06/2010 às 09:46
por Josélia Pegorim

O ar
polar ainda é sentido com forte intensidade sobre São Paulo. As temperaturas ao amanhecer desta segunda-feira tiveram ligeira elevação em relação ao observado no domingo, mas a sensação ainda é de bastante frio. Às 9 horas, na zona sul da capital paulista, o aeroporto de Congonhas registrava 12ºC. O dia amanheceu com 11ºC. Ontem, a temperatura variou de 9ºC aos 18º. Na zona norte da capital, o Campo de Marte registrava 13ºC, às 9 horas e ontem a temperatura por lá variou de 9ºC aos 19ºC. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, a temperatura mínima ontem no Mirante de Santana, na zona norte da capital paulista, foi de 8,9ºC, o segundo valor mais baixo do ano registrado no local. O recorde de frio no Mirante em 2010 é 8,7ºC no dia 7 de junho. Na tarde do sábado, a máxima no Mirante foi de apenas 16,8ºC, o menor valor de máxima des 2010, mas que já havia sido registrado no dia 1 de junho. Esta forte onda de frio que gelou a capital paulista novamente no fim de semena tende a enfraquecer gradualmente no decorrer da semana. As noites e o começo da manhã ainda serão frios, mas não tanto como no fim de semana ou nesta segunda-feira. As tardes vão ficar mais quentinhas.  Esta elevação de temperatura vai ocorrer em todo o Estado de São Paulo. A população da Grande São Paulo vai sentir uma variação de temperatura relativamente grande ao longo do dia, especialmente a partir de quarta-feira. O tira-põe de casacos deve causar um certo incômodo. Outra sitiação que deve incomodar é a redução dos níveis de umidade e o aumento da concentração de poluentes. A passagem do ar polar naturalmente reduz os níveis de umidade. As inversões térmicas comuns nesta época do ano tendem a ficar mais acentuadas, o que vai dificultar a dispersão de poluentes.