Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Tempestades em Mato Grosso e em Mato Grosso do Sul

01/12/2014 às 21:15
por Josélia Pegorim

A co
mbinação de um ar muito quente e bastante úmido com a circulação de ventos em diversos níveis da atmosfera gerou nuvens extremamente carregadas sobre Mato Grosso e também sobre Mato Grosso do Sul.   As setas apontam para os aglomerados de nuvens com grande potencial para tempestades com ventania e até granizo.   Grandes volumes de chuva foram acumulados em 24 horas. Em Amambaí, no sul de Mato Grosso o Sul, choveu 92,6 mm entre 20 horas do dia 30 de novembro e 20 horas de 1 de dezembro. Em Campo Grande choveu 36,6, mm apenas na tarde e começo da noite desta segunda-feira.     As áreas de instabilidade ficam bastante ativas esta semana nos dois Estados. Há riscos de novos temporais, incluindo as capitais Campo Grande e Cuiabá, Goiás e o Distrito Federal também terão pancadas de chuva frequentes esta semana, mas menos volumosas do que em Mato Grosso e em Mato Grosso do Sul. Balanço de chuva de novembro Campo Grande e Cuiabá ficaram entre as capitais brasileiras que terminaram o mês de novembro com chuva muito acima do normal. Em Campo Grande choveu o dobro do normal.       Se a sua empresa é afetada diretamente pelas tempestades e raios, conheça o serviço de Monitoramento e Alerta de Tempestades SMACaqui.