Arquivo da Categoria ‘Ar Seco’

+ aumentar e diminuir fonte -
Estiagem atrasa florada da noz – SP
quinta-feira, 28 de agosto de 2014

O desenvolvimento das árvores de noz no estado de SP ficou comprometido por conta da estiagem. O processo de adubação está sendo reforçado. Confira qual será a tendência do acumulado de chuva para os próximos dias em todo o Brasil.

Chuva retorna à Belo Horizonte
quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Ao longo de 2014, Belo Horizonte viveu semanas muitos secas. Nos últimos dias a capital mineira registrou índices de umidade do ar alarmantes, menores até do que 15%. Por volta do dia 18 de agosto o tempo seco deu uma pequena trégua com a chegada de uma frente fria que provocou um pouco de chuva na região, mas sem volume significativo. Na quarta-feira, a capital mineira teve o dia mais quente do inverno e a maior temperatura máxima em mais de 5 meses. O INMET registrou a máxima de 32°C na estação oficial da cidade. Uma frente fria avança pela Região Sudeste nesta quinta-feira. Confira com a meteorologista Bianca Lobo se este sistema vai levar chuva para Belo Horizonte.

Goiás muito seco!
segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Várias cidades do estado de Goiás entraram em alerta na tarde desta segunda-feira com índices de umidade do ar abaixo de 20%. Chama atenção o município de Rio Verde com registro de apenas 13% de umidade às 14 horas. Jataí e Parauna registraram 14% de umidade, Morrinhos e Silvania 15%, Catalão 16% e Luziânia 18%.

Em Goiânia a umidade do ar também atingiu novamente valores críticos. O aeroporto da cidade registrou 13% de umidade às 15 horas, muito próximo da situação de emergência. Ainda na próxima hora a umidade pode cair mais. Ontem (24) o menor valor na capital foi de 11%.  No dia 8 de agosto deste ano a umidade chegou a cair para 10% na cidade.

Esta situação de ar muito seco só deve melhorar no final da semana com o avanço de uma frente fria pela Região Sudeste. Há previsão de um pouco de chuva para o centro-sul de Goiás só na sexta-feira.

Confira as temperaturas para os próximos dias em Goiânia.

 

Produção de cana diminui em períodos secos
segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Com o tempo seco os produtores de cana-de-açúcar de SP ficam preocupados! Muitos acabam tendo que abandonar as suas próprias chácaras. Confira qual será a tendência do acumulado de chuva para os próximos dias em todo o Brasil.

 

Rio de Janeiro quente e seco
segunda-feira, 25 de agosto de 2014

A segunda-feira (25) foi marcada por muito sol, calor e umidade baixa na cidade do Rio de Janeiro. Os índices de umidade relativa do ar caíram para 13% na zona oeste da cidade do Rio no meio da tarde. Este é um valor muito baixa para qualquer localidade, ainda mais para uma cidade litorânea, como a capital fluminense. Segundo o INMET a temperatura chegou a 35,3°C em Santa Cruz. A temperatura elevada e a umidade baixa são resultado da presença do ar seco sobre a Região Sudeste e da intensificação de ventos quentes, vindos de noroeste.

Mudanças no tempo para a “Cidade Maravilhosa” ao longo desta semana.

Nesta terça-feira o sol ainda predomina e o tempo segue firme, com calor e umidade baixa no período da tarde. A nebulosidade até aumenta no fim do dia, mas não há expectativa de chuva. A aproximação de uma frente fria favorece a ocorrência de vento moderada a forte no decorrer do dia.

A partir de quarta-feira (27) a frente fria vai conseguir organizar áreas de instabilidade no centro-sul do Estado do Rio de Janeiro. Há a previsão de chuva forte, mas de forma mais localizada. A temperatura já diminui bastante e deve cair mais até o final da semana.

São Paulo em Atenção para umidade baixa
quinta-feira, 21 de agosto de 2014

atualizada às 15:30

A persistência do ar seco já acarreta em níveis baixos de umidade relativa do ar em São Paulo. Segundo informações dos aeroportos do Campo de Marte (Zona Norte) e Congonhas (Zona Sul), os valores já chegaram aos 30% durante a tarde da quinta-feira.

Cidades do interior paulista também registram índices críticos de umidade nesta tarde e alguns municípios já entraram em alerta. Lins e Valparaíso estavam com umidade de apenas 17% e e José Bonifácio de 19% às 14 horas, segundo medições do INMET. Ontem (20), algumas cidades chegaram a ter umidade ainda mais baixa com registro de 13% em Valparaíso e 14% em Pradópolis. Valores abaixo de 12% caracterizam situação de emergência segundo os padrões da Organização Mundial da Saúde.

O bloqueio atmosférico se deslocou e já posiciona seu centro de alta pressão em níveis médios exatamente sobre o Estado de São Paulo. A condição de tempo firme também incentiva a rápida elevação da temperatura.

Modelo de previsão de ventos e geopotencial em 500hPa

O ar segue seco e o tempo firme pelo menos até o fim de semana. O tempo só começa a mudar a partir da terça-feira (26) com a chegada de uma frente fria. O sol dará lugar ao céu nublado e ao invés do ar seco teremos chuva.

Sol e calor na cidade de São Paulo
quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Atualizado em 20/08/2014 às 15h30

O sistema de alta pressão atmosférica em níveis médios (500hPa) garante o predomínio de sol durante grande parte do dia em São Paulo. As manhãs ainda seguem com a presença de nevoeiro, que se dissipa rápido com a presença do sol e a elevação da temperatura.

Imagem do canal do infravermelho realçada

As temperaturas já estão mais agradáveis durante as tardes, mas as madrugadas ainda seguem com os termômetros um pouco baixos e alguma sensação de frio.

A presença do bloqueio atmosférico, impede a passagem de sistemas mais organizados pelo Sul e pelo Sudeste. Na Região Metropolitana de São Paulo o sol já vai aparecendo mais e a nebulosidade diminuindo. Com o maior período de sol, as temperaturas vão aumentando. No entanto, a presença do ar seco faz a umidade relativa do ar cair.

Modelo de previsão do tempo - Ventos e geopotencial em níveis médios (500hPa)

 

Neste fim de semana o tempo firme persiste em São Paulo. As temperaturas sobem e faz calor à tarde. As máximas podem chegar aos 30°C.

As mudanças nas condições do tempo virão na próxima semana. A aproximação de uma frente fria vai mudar o céu de São Paulo. O tempo firme dará lugar à nebulosidade e o frio irá predominar ao invés do calor.

O meteorologista César Soares comentou a previsão de mudança para o Sudeste na próxima semana no Climatempo News. Confira no vídeo abaixo.

Tempo instável no leste do Nordeste
terça-feira, 19 de agosto de 2014

Os ventos úmidos que sopram do mar ainda incentivam a formação de áreas de instabilidade sobre toda a faixa leste do Nordeste. A presença da região de entrada do jato subtropical também incentiva a melhor desenvolvimento vertical da nebulosidade, incentivando a formação de nuvens do tipo Cumulonimbus (Cb) que podem provocar chuva forte de forma mais pontual.

Apesar da presença de nebulosidade, as áreas de instabilidade não provocaram tanta chuva. O acumulado de 24 horas chegou aos 10mm em Maceió.

Até o fim desta semana há previsão de chuva devido a presença de ventos úmidos que sopram do mar em direção ao continente e favorecem a formação de nuvens carregadas.

Chuva enfraquece no ES
terça-feira, 19 de agosto de 2014

Após dias de tempo instável e úmido no ES, a chuva perdeu força em todo o Estado. Hoje o tempo está um pouco mais aberto e houve formação de nevoeiro no Aeroporto de Goiabeiras durante a madrugada, entre 3h e 5h. As temperaturas não devem passar dos 30ºC nesta tarde e a expectativa de chuva se concentra no sul capixaba, que faz divisa com os Estados do RJ e de MG.

Amanhã, com a presença de uma frente fria na costa do Sudeste, as nuvens voltam a aumentar bastante na região e as temperaturas ficam um pouco mais baixas, pois o sol não vai aparecer tanto. Não há expectativa de chuva.

Nos dias que seguem, as temperaturas devem aumentar gradativamente e a chuva ainda não vai cair sobre o Estado. Para os que gostam de sol, calor e praia, o fim de semana promete ser bom, com temperaturas próximas aos 30º C e sensação de calor. Que tal um mergulho?

#fotografeotempo e mande pra gente!

Tempo firme no Rio de Janeiro
terça-feira, 19 de agosto de 2014

Após uma segunda-feira com muitas nuvens na capital fluminense, a terça-feira não terá muitas mudanças. Com nebulosidade variando ao longo do dia, o sol deve aparecer, mas sem forte intensidade. Apesar de as madrugadas ainda seguirem com temperaturas mais baixas, não faz mais tanto frio quanto na semana passada. Os ventos passam a soprar de norte e transportam um pouco de ar quente para a região. A queda da temperatura ainda ocorre, mas de forma mais fraca.

Na quarta-feira, o sol já aparece um pouco mais e a temperatura sobe gradativamente ao longo do dia, mesmo com madrugada e começo de manhã de temperaturas mais baixas. Na quinta, apesar da presença de névoa no início da manhã, ao longo das horas o ar volta a ficar mais seco e a sensação já vai ser de calor. O mar fica um pouco agitado até sexta-feira, mas nada próximo à ressaca.

A partir de sexta-feira, e também durante o fim de semana, o tempo abre de vez e a temperatura sobe ainda mais. O sol vai brilhar forte e as temperaturas ficam acima de 30º C. Ou seja, as praias deverão ficar lotadas.