Arquivo da Categoria ‘Rio de Janeiro’

+ aumentar e diminuir fonte -
Frio abaixo de 10°C no RJ
terça-feira, 3 de junho de 2014

Todo o Estado do Rio de Janeiro fica mais frio nesta quarta-feira e o dia deve amanhecer com temperaturas até abaixo dos 10°C nas cidades serranas. Por volta das 21 horas de terça-feira, conforme medição do Instituto Nacional de Meteorologia, a temperatura na região de Nova Friburgo estava pouco abaixo dos 12°C, com tendência de queda.

Há possibilidade de recorde de frio na cidade do Rio. Pela medição o Instituto Nacional de Meteorologia, a menor temperatura de 2014 até agora foi de 12°C, em 29 de abril. Após a passagem de uma frente fria, o ar polar ainda está sendo sentido no Sudeste do Brasil.

 

 

 

 

 

A presença do ar polar combinado com a tendência de diminuição da nebulosidade na madrugada de quarta-feira vão deixar o ar mias frio.

Acompanhe a previsão para a Região Sudeste para os próximos dias, pois há expectativa da chegada de nova frente fria.

Quer saber como vai ficar o tempo no Rio de Janeiro durante a Copa?

RJ e ES vão esfriar mais e novos recordes podem ocorrer
terça-feira, 3 de junho de 2014

Uma massa de ar polar está influenciando a Região Sudeste do Brasil e já provocou baixas temperaturas em várias áreas da Região. No Estado de São Paulo, a temperatura chegou a 1,9°C em Barra do Turvo e em Minas Gerais fez 1,4°C em Monte Verde. Os dados são do Instituto Nacional de Meteorologia. A cidade de São Paulo teve recorde de frio, com temperatura mínima oficial de 9,8°C. Em algumas áreas da cidade, a temperatura ficou em torno dos 6°C.

 

 

 

 

 

Nesta quarta-feira, a combinação de ar polar e uma madrugada com pouca nebulosidade vão provocar mais frio em algumas áreas do Sudeste. Mas parte da Região já começa a esquentar.

O Rio de Janeiro e o Espírito Santo devem esfriar mais. As capitais Rio de Janeiro e Vitória podem registrar novos recordes de frio. Veja as explicações da meteorologista Josélia Pegorim.

 

 

 

 

Rio de Janeiro vai esfriar mais
segunda-feira, 2 de junho de 2014

A chuva que caiu sobre o Rio de Janeiro nesta segunda-feira está associada a passagem de uma frente fria. As nuvens carregadas se afastam da capital fluminense e a chance de chover é baixa nesta terça, mas o tempo ainda fica muito úmido.

Além da chuva, a frente fria trouxe uma massa polar e que vai esfriar mais o Rio de Janeiro, uma das cidades-sede da Copa 2014. Desta vez o frio será rápido, mas com chance de novo recorde. A madrugada da quarta-feira, 4 de junho, pode ser a mais fria do ano no Rio de Janeiro. Até o dia 2, a menor temperatura registrada pelo Instituto Nacional de Meteorologia foi de 12,0°C, em 29 de abril. Uma outra massa polar que passou pelo Rio na semana passada deu à cidade a tarde mais fria de 2014, com temperatura máxima de 22,4°C no dia 28 de maio.

Veja os recordes atuais das capitais do Sudeste. Confira a previsão para o Sudeste pois a semana termina com outra frente fria.

Como é o clima no Rio de Janeiro na época da Copa? O meteorologista André Madeira explica.

 

Como vai ficar o tempo no Rio de Janeiro na Copa?
segunda-feira, 2 de junho de 2014

Uma frente fria mudou o tempo no Rio de Janeiro neste início de junho. Será que durante a Copa 2014 poderemos ter outras frentes frias passando pelo Rio? Confira esta e outras previsões para a cidade-sede Rio de Janeiro.

 

 

Veja também: Frente fria avança sobre o Rio de Janeiro

Frente fria avança para o Rio de Janeiro
domingo, 1 de junho de 2014

O domingo começou com sol no Rio de Janeiro  e a temperatura chegou na casa dos 30°C, mas já tem uma frente fria a caminho.

Ainda hoje há condições de chuva na capital e no Grande Rio.

A imagem do radar meteorológico da Prefeitura do Rio de Janeiro já mostrava chuva no sul do Estado um pouco antes das 16h.

Amanhã, por causa do avanço da frente fria, o predomínio será de céu nublado e, na maioria das áreas, inclusive na capital, a chuva ocorre em grande parte do dia. Não há expectativa de temporais, mas a chuva pode ter moderada a forte intensidade em alguns momentos. A temperatura diminui.

Na terça-feira a frente fria vai embora, mas o vento que sopra do mar ainda vai levar umidade para o Rio de Janeiro. Há possibilidade de garoa pela manhã e o sol aparece fraco no decorrer do dia. O ar frio de origem polar vai deixar a temperatura baixa o dia todo.

 

Rio de Janeiro com muito sol
sexta-feira, 30 de maio de 2014

O sol voltou a brilhar na cidade do Rio de Janeiro e o o bonito céu azul de Copacabana na manhã desta sexta-feira, fotografado pelo internauta Fernando Eulalio, não deixa dúvida de que as nuvens cinzas finalmente se dissiparam.

 

 

 

 

A semana que começou chuvosa, fria e com ressaca, vai terminando com sol, mar tranquilo e temperatura em elevação.  As tardes cariocas serão quentes neste fim de semana, mas as madrugadas serão geladas e há possibilidade até de um novo recorde de frio. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, a menor temperatura registrada este ano em 2014 foi de 12,0°C, em 29 de abril. A tarde de quarta-feira passada, 28 de maio, foi a mais fria do ano, com máxima de 22,4°C.

 

 

 

Confiras as ondas no fim de semana

 

 

 

 

Sol para esquentar o Rio de Janeiro
quinta-feira, 29 de maio de 2014

A chuva diminuiu, mas as nuvens cinzas ainda predominaram sobre o Rio de Janeiro nesta quinta-feira escondendo o sol da maioria dos cariocas e fluminenses. Sem o sol e com o ar polar, a temperatura continuou baixa e não passou dos 25°C.

Mas a semana que começou gelada, com chuva e ressaca no mar, termina com sol, um calor outonal e mar tranquilo. Os termômetros devem passar dos 30°C no fim de semana, mas confira a previsão porque tem frente fria para iniciar junho!

 

Veja como vão ficar ondas no fim de semana

 

 

 

 

Vai acontecer em São Paulo, Rio de Janeiro e em Porto Alegre
quinta-feira, 29 de maio de 2014

Depois de vários dias frios e chuvosos, o sol reaparece em São Paulo e no Rio de Janeiro para esquentar e animar para passeios no fim de semana. Será que a chuva aumenta em Porto Alegre?

Confira as dicas e a previsão do tempo especial da parceria Climatempo – Catraca Livre.

 

 

 

Frio e nevoeiro
quarta-feira, 28 de maio de 2014

O nevoeiro causou vários problemas em aeroportos brasileiros nesta quarta-feira. Em quase todos os casos, o frio do amanhecer foi o responsável pela formação do nevoeiro.

O ar polar está enfraquecendo sobre o Sul e Sudeste, mesmo assim será suficiente para que o nevoeiro volte a se formar ao amanhecer desta quinta-feira em muitas áreas destas Regiões e também em alguns pontos do Centro-Oeste.

Confira regiões onde o risco de nevoeiro é alto no começo da manhã desta quinta-feira.

 

 

 

 

 

Nevoeiros

Em Goiânia, capital de Goiás, a visibilidade no aeroporto local ficou reduzida a menos de 1000 metros entre 6h e 8h10. No pior momento, a visibilidade baixou para 400 metros, às 7h08.

O aeroporto internacional Salgado Filho, em Porto Alegre, ficou com visibilidade prejudica pelo nevoeiro pelo terceiro dia seguido. A visibilidade melhorou só depois das 10h20. A temperatura ao amanhecer era de 9°C

No Triângulo Mineiro, os aeroportos de Uberaba e de Uberlândia tiveram também forte nevoeiro durante toda a madrugada e no começo da manhã. No Sul, o nevoeiro também reduziu muito a visibilidade nos aeroportos de Caxias do Sul(RS) Chapecó (SC),  e Foz do Iguaçu (PR), Maringá (PR).

O aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, que faz a ponte aérea Rio São Paulo também teve problemas de manhã e à tarde com má visibilidade.

Chuva e frio no Rio de Janeiro
quarta-feira, 28 de maio de 2014

O tempo voltou a ficar instável no Rio de Janeiro nesta quarta-feira, com uma chuva fraca às vezes moderada, mas de forma generalizada. A chuva veio de áreas de instabilidade que se formaram sobre o mar e avançaram para o continente. Estas áreas de instabilidade devem persistir pelo menos até a noite provocando mais chuva. Porém, não há risco de temporal.

 

 

 

Rajadas e frio

Com o tempo chuvoso e a presença de ar polar, a temperatura segue baixa. Os termômetros não passavam dos 22°C. A tarde desta quarta-feira, 28 de maio, deve ser a mais fria do ano na cidade do Rio de Janeiro. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, a menor temperatura máxima no Rio este ano foi de 23,3°C no dia 25 de maio, domingo passado.

Por volta das 2 horas da tarde, a temperatura no aeroporto Santos Dumont estava em apenas 20°C. Uma forte rajada de vento ocorreu às 14h15 chegando doas 46 km/h.

Neste vídeo, a meteorologista Josélia Pegorim fala da tendência do tempo para o Rio e para a Região Sudeste