Arquivo da Categoria ‘Rio de Janeiro’

+ aumentar e diminuir fonte -
Visibilidade no Sul é prejudicada pela chuva
segunda-feira, 17 de março de 2014

Quem segue de avião nesta noite para o Sul do Brasil vai encontrar alguns desconfortos e turbulências causados pelo tempo instável em muitas áreas. A chuva reduz a visibilidade em vários aeroportos. Há também registro e raios e rajadas de vento. O tempo segue instável com risco de pancadas de chuva no decorrer da noite.

No Sudeste, os aeroportos do Rio de Janeiro, de Belo Horizonte e de Vitória tinham boa visibilidade e tempo firme. A previsão é de que a noite siga sem chuva.

Em São Paulo, as pancadas de chuva estavam parando e a visibilidade era total em Guarulhos e em Congonhas. A noite segue com tempo firme.

Confira a situação às 19 horas nos principais aeroportos do Sul

 

 

Verão termina seco no Rio de Janeiro
domingo, 16 de março de 2014

O último domingo do verão no Rio de Janeiro está sendo ensolarado e muito quente. A temperatura ao meio-dia em várias áreas da cidade estava entre 33°C e 35°C, mas ainda com tendência de elevação. A chuva é pouco provável e só mesmo com muito ar condicionado, praia, ventilador e água para aguentar este calor.

A chance de chover no Rio de Janeiro é baixa pelo menos até o dia 19 de março. Há previsão de chuva para o primeiro dia do outono, 20 de março.

Confira a tendência do Outono.

RJ segue com sol e calor
sábado, 15 de março de 2014

O sábado foi de muito sol e calor no Rio de Janeiro devido ao predomínio do ar seco sobre o Estado. À tarde, a temperatura chegou aos 37.2°C na capital, segundo dados da estação automática do Instituto Nacional de Meteorologia.

Nos próximos dias, nada muda. O tempo segue firme e quente. Na capital, a temperatura máxima fica em torno dos 37°C. A partir da quarta-feira retornam as condições para pancadas de chuva associadas ao calor e à alta umidade do ar, porém elas ainda ocorrem de forma isolada e passageira no final do dia. Na sexta-feira, a aproximação de uma frente fria  aumenta o risco de chuva forte. No fim de semana, esse sistema frontal deixa o tempo nublado e chuvoso sobre o Estado. A temperatura entra em declínio.

Bike ao sol e ao som do mar do Rio de Janeiro
sexta-feira, 14 de março de 2014

O Rio de Janeiro vai passar o último fim de semana do verão como foi quase todo o verão de 2014: muito sol, muito calor, pouca chuva e pouca onda.

Se você curte pedalar pela cidade, então aproveite o temo firme para se exercitar, descobrir lugares que a gente só acha de bike ou  à pé, tomar um sol enquanto pedala. Mas fique atento, pois o sol forte vai dar uma canseira maior.

Pegue a bike e não esqueça o boné, água (muita!), óculos escuros, protetor solar, uma camiseta para se proteger do sol e aquelas coisinhas que cada um sempre leva quando pedala. 

Vai de bike e depois para o mar. Confira a altura e direção das ondas. O mar fica baixo no fim de semana.

O outono começa oficialmente no dia 20 de março às 13h57 , pelo horário de Brasília.

Do dia 1 de janeiro até 14 de março, em 74 dias de verão, o Inmet registrou chuva em apenas 18 dias.

Boas pedaladas e ótimo fim de semana.

Equipe bikeClima 

Meteorologista Patricia Madeira debate a crise energética
sexta-feira, 14 de março de 2014

A meteorologista Patricia Madeira, diretora de Meteorologia da Climatempo, participou do programa da jornalista Miriam Leitão, na Globonews, debatendo a crise energética gerada pela falta de chuva do verão de 2014.

Entrevista de Patricia Madeira na Globonews

 

uma praia, com sol e calor. É isto que você quer?
sexta-feira, 14 de março de 2014

O último fim de semana do verão será assim na cidade do Rio de Janeiro e em todo o litoral fluminense. Vão aparecer umas nuvens, mas geral será ralinhas, finas, se água.

O verão no Rio de Janeiro vai terminando como foi durante toda a estação: um sol forte o dia todo, calor e nada de chuva.  A temperatura não bate nos 40°C redondos, mas chega perto. Quem vai para a região dos Lagos ou para serra também vai poder curtir o sol e calor no último fim de semana do verão. No domingo, algumas pancadas de chuva poderão ocorrer na região no litoral sul , na costa verde e na serra. Mas se a chuva vier será só no fim da tarde.

Está afim de uma onda? Confira a previsão.

Granizo, arco-íris, a nuvem de temporal
quinta-feira, 13 de março de 2014

Qual a imagem do seu tempo?

Qual o tempo do seu lugar? 

Tem sempre uma nuvem para contar a história do dia

F o t o g r a f e o t e m p o

Participe! A sua foto pode ser o destaque. envie sua foto

Pelas redes sociais: #fotografeotempo

Nuvens carregadas passaram sobre São José dos Campos (SP) na tarde de 13 de março de 2014 provocando chuva forte e granizo. Foto: Silvia Manami Yaguchi

Intenso arco-íris duplo se formou em Caxias do Sul (RS), no fim da tarde de 13 de março de 2014. Foto de Claudio, para a Climatempo.

Nuvem baixa, carregada de chuva, passou sobre Taquaritinga do Norte (PE) em 13 de março de 2014, provocando chuva forte. Foto de Marcio Silva para o Climatempo News.

 

 

Visibilidade reduzida em Florianópolis/ Raios em Guarulhos
quinta-feira, 13 de março de 2014

Florianópolis está tendo um dia chuvoso e a chuva está reduzindo a visibilidade no aeroporto internacional Hercílio Luz. O alcance visual às 14 horas era de 3000 metros. A chuva vai continuar pelo menos até o fim da tarde.

No Rio de Janeiro, a tarde desta quinta-feira segue com boa visibilidade.

Em São Paulo, Congonhas tinha boa visibilidade às 14 horas, mas há chance de chuva a qualquer momento. O aeroporto de Guarulhos tinha chuva com raios e visibilidade moderada , às 14 horas. Há previsão de mais pancadas de chuva até o fim da tarde.

Nevoeiro em Goiânia. Névoa em São Paulo e no Rio de Janeiro.
quinta-feira, 13 de março de 2014

O aeroporto de Goiânia tinha apenas 50 metros de visibilidade, às 7 horas, por causa do nevoeiro. Às 8 horas,a visibilidade aumentou para 100 metros. Em Pirassununga, no interior de São Paulo também havia reduçã0 da visibilidade por causa do nevoeiro.

Os aeroportos do Rio de Janeiro e de São Paulo amanheceram com névoa úmida. Às 8 horas, a visibilidade em Congonhas era de 8000 metros, boa, e no Campo de Marte de 4000 metros, moderada. O aeroporto de Guarulhos estava com 7000 metros de visibilidade.

No Rio de Janeiro, a vsibilidade às 8 horas no Santos Dumont, que opera a ponte aérea Rio-São Paulo, a visibilidade às 8 horas era de 7000 metros e no Tom Jobim, de 4000 metros, por causa da névo.

Aeroportos internacionais de Florianópolis, João Pessoa, Recife estavam com muitas nuvens e chuva às 8 horas.

Verão seco: Rio de Janeiro tem menos de 20 dias com chuva
quarta-feira, 12 de março de 2014

Verão seco

A maior lembrança do verão de 2014 no Rio de Janeiro será o sol forte, o calor e a seca. O verão está terminando deixando a capital fluminense quase sem chuva. Do início de 2014 até o dia 12 de março, portanto em 71 dias, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou chuva em algum de seus postos de observação espalhados pela cidade em apenas 18 dias.O sol forte vai predominar no Rio de Janeiro por mais alguns dias.

A chance de chover é baixa pelo menos até o domingo. Até lá, os termômetros não devem marcar 40°C, mas os cariocas vão continuar sentindo bastante calor.

As previsões a médio prazo indicam que o outono vai começar com frente fria provocando chuva no Rio. A nova estação se inicia no dia 20 de março, às 13h57, de Brasília.