Arquivo da Categoria ‘Rio de Janeiro’

+ aumentar e diminuir fonte -
Chuva de fevereiro supera a média em poucas capitais
segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Em 23 dias, pelas medições do Instituto Nacional de Meteorologia, a chuva de fevereiro de 2014 superou a média normal para o mês em Porto Alegre (RS), em Cuiabá (MT), Maceió (AL), Recife (PE), Palmas (TO), Belém (PA) e Macapá (AP). Em Teresina, capital do Piauí, a chuva de fevereiro igualou a média, nas medições até dia de 23.

Faltando apenas cinco dias para terminar o mês, este balanço pode se alterar outras capitais poderão alcançar, passar ou pelo menos se aproximar mais da média histórica. Mas no caso de Belo Horizonte, do Rio de Janeiro, de Vitória e de Aracaju, a diferença em relação à média é muito grande e a chance de recuperação é pequena. Acompanhe a previsão para os próximos dias.

 

Domingo de sol e calor no Rio
domingo, 23 de fevereiro de 2014

O domingo já começou com sol forte e temperaturas altas na cidade do Rio de Janeiro. Às 07 horas da manhã o termômetro do aeroporto Tom Jobim (Galeão) marcava 29ºC. A temperatura máxima prevista para hoje é de 38ºC, valor que deve ser observado nos termômetros oficiais. Quem estiver andando na rua ou na praia, sob o sol forte, vai sentir mais calor que isso. Ainda não há previsão de chuva para este domingo.

Apesar de ser um dia de praia, algumas praias estão impróprias para o banho. Segundo o último boletim o INEA, divulgado no dia 20, estão impróprias: Barra de Guaratiba, Barra da Tijuca (Quebra-Mar), Pepino, São Conrado, Vidigal, Leblon, Urca, Botafogo e Flamengo.

Fim de semana de calor em São Paulo e no Rio de Janeiro
sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

A semana começou com recorde de baixa temperatura no Rio de Janeiro e em São Paulo, mas termina com os termômetros subindo de novo. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou 32,1°C de temperatura máxima em São Paulo na sexta-feira, 21. No sábado, 15, a capital paulista teve a menor temperatura máxima de 2014: 22,8°C.

No Rio de Janeiro, o Inmet registrou 37,1°C na sexta-feira, 21. A madrugada do dia 20 foi até agora a mais fresca no Rio, com temperatura mínima de 17,3°C.

As duas capitais vão passar o fim de semana pré-Carnaval com calor, mas cm alta chance de pancadas de chuva em São Paulo.

Veja como vão ficar as ondas no Rio.

Quer saber a tendência para o Carnaval?

Rio de Janeiro bate recorde de frio e esquenta
quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

A madrugada de quinta-feira, 19 de fevereiro, foi a mais fria do ano até agora na cidade do Rio de Janeiro. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou a temperatura mínima de 17,3°C. Mas durante a tarde esquentou bastante e temperatura chegou aos 34°C.

Mas este aquecimento não significa que a onda de calor está voltando. A forte massa de ar polar que derrubou a temperatura no fim de semana se afasta cada vez mais da Região Sudeste, o que facilita a elevação da temperatura também no Rio de Janeiro. Além disso, com a diminuição da nebulosidade, o sol voltou forte.

Cariocas e fluminenses poderão contar com um fim de semana de sol, calor e pouca chuva. Não há expectativa de mar agitado. As ondas devem ficar com até 1 m de altura.

Mais sol e calor para o Rio de Janeiro
quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Uma frente fria se afasta cada vez mais do Sudeste e seus efeitos no Rio de Janeiro não devem ser mais sentido nesta quinta-feira. A passagem deste sistema trouxe chuva e diminuição do calor para todo o Estado do Rio, mas a tendência para os próximos dias é de aumento da temperatura, mais sol e diminuição da umidade.  O calor volta, mas dentro dos padrões normais.

O forte bloqueio atmosférico que predominava até a semana passada sobre o centro-sul do Brasil deixou o Rio de Janeiro sem chuva por um mês. Os níveis de umidade na capital fluminense ficaram muito abaixo do normal.

O bloqueio terminou, mas a chuva no Rio ainda será irregular nos próximos dias. Porém, há previsão da passagem de duas frentes frias pela cidade até o Carnaval.

Frente fria se afasta do RJ, mas ar continua úmido
segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

A mudança radical do tempo que ocorreu em todo o Estado do Rio de Janeiro foi provocada pela passagem de uma frente fria, de forte  intensidade. A maioria das regiões fluminenses, incluindo a capital , não viam chuva há um mês. Pelas medições do Instituto Nacional de Meteorologia, antes da chuva deste frente fria, no fim de semana, a cidade do Rio teve chuva só em 17 de janeiro.

Recorde de temperatura

A chuva, o excesso de nuvens e a entrada do ar polar derrubaram a temperatura. A tarde do domingo, 16 de fevereiro, foi a mais fresca no Rio este ano, com máxima de 29,9°C, na praça Mauá, centro da capital fluminense.

A frente fria está se afastando do litoral do Rio de Janeiro, mas parte de sua nebulosidade permanece sobre o Estado nesta terça-feira. Períodos com sol e pancadas de chuva, especialmente à tarde e à noite, ainda devem ser esperados.

A partir de quarta-feira, com o maior afastamento da frente fria, a chance de chuva diminui ainda mais. O sol aparece, mas ainda entre muitas nuvens. A temperatura sobe, mas o calor não atinge as marcas extremas que predominaram na primeira quinzena de fevereiro.

Recordes da quebra do bloqueio atmosférico
segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

A grande e forte frente fria que quebrou o bloqueio atmosférico trouxe muita chuva para áreas do Sul e do Sudeste e também provocou alguns recordes de temperatura.

A combinação de chuva com ar polar fizeram a temperatura baixar muito e os recordes  começaram a ser observados desde a sexta-feira, 14 de fevereiro.

O ar polar ainda fica ao largo da costa do Sul e do Sudeste do Brasil até o fim da semana, mas vai perdendo força. A temperatura tende a subir no Sul e Sudeste, mas não vai esquentar tanto como na semana passada.

Confira os recordes

Frente fria chega ao Rio de Janeiro no fim de semana
quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Rio de Janeiro está há quase 1 mês sem chuva

Pelos registros do Instituto Nacional de Meteorologia, a última chuva registrada no Rio de Janeiro aconteceu entre os dias 16 e 17 de janeiro. No centro da cidade, na região da Praça Mauá, o acumulado foi de 43,8 mm. Em janeiro choveu quase 58 mm neste local, 71% abaixo do normal que é de 202 mm. Esta foi a média de chuva para o mês de janeiro considerando o período de 2002 a 2013.

A média de chuva para fevereiro neste período é de aproximadamente 92 mm e ainda não choveu nada em 12 dias.

Frente fria no fim de semana

A grande frente fria que já está mudando o tempo no Sul do Brasil vai conseguir chegar ao Rio de Janeiro. A expectativa é de que as primeiras pancadas de chuva no Grande Rio, por influência desta frente fria, ocorram a partir do fim da tarde desta sexta-feira. Mas a maior mudança no tempo deve ocorrer no fim de semana, quando se espera que a região da cidade do Rio de Janeiro fique com muitas nuvens, menos calor e tenha até chuva forte.

Sem bloqueio

A frente fria que chega ao Rio no fim de semana rompe o bloqueio atmosférico que vem predominando há quase um mês, impedindo que as frentes frias e o ar polar cheguem ao Rio. A partir desta frente fria, outros sistemas devem avançar para o centro-sul do Brasil chegando do Rio de Janeiro. Ainda vai fazer calor no decorrer do verão, mas a temperatura já deve se manter em patamares extremos por muitas dias seguidos.

Rio de Janeiro: calor de fevereiro de 2014 pode superar 2010
terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

O calor de fevereiro de 2014 no Rio de Janeiro já pode ser comparado ao de fevereiro de 2010, que foi batizado pela população carioca de “fervereiro“, de tanto calor que fez.

Pelas medições do Instituto Nacional de Meteorologia, a temperatura no Rio de Janeiro em fevereiro de 2014 já superou os 40°C seis vezes, igualando fevereiro de 2010. A temperatura chegou aos 41,8°C em fevereiro de 2010 e a maior deste ano até agora foi de 41,4°C.

O Rio pode esquentar mais até o fim da semana, antes da chegada de uma frente fria que deve influenciar a cidade no sábado que vem. Até o fim desta semana, a temperatura poderá alcançar ou passar dos 40°C outras vezes.

Rio de Janeiro iguala recorde de calor
sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

O calor de 40,8°C na cidade do Rio de Janeiro nesta sexta-feira foi recorde para o ano de 2014, igualando a marca registrada na última terça-feira (04). Esta temperatura foi observada na estação de Santa Cruz, na zona oeste carioca, pelo Instituto Nacional de Meteorologia. A maior temperatura de 2013 foi de 40,9°C, em 8 de janeiro.

O calor intenso é resultado da forte massa de ar quente e seco que ainda está sobre o Sudeste, dificultando a formação de nuvens carregadas e bloqueando a chegada de frentes frias com o ar polar.

Para esse fim de semana a previsão é de dias de sol e ainda com calor intenso no Rio. A umidade do ar continua baixa e não há expectativa de chuva. A chance de chover no Rio de Janeiro é baixa até o fim da primeira quinzena de fevereiro. Até lá, o calor pode aumentar com o registro de novos recordes.

“Fervereiro” de 2010

Fevereiro de 2014 começou quente no Rio, mas ainda está muito longe do fevereiro de 2010, que foi batizado de “fervereiro” pelo calor fora do comum. Talvez nunca se tenha visto tantos dias seguidos com 40 °C na cidade.

A maior temperatura já registrada pelo Instituto Nacional de Meteorologia no Rio de Janeiro foi de 43,2°C.