Arquivo da Categoria ‘Sul’

+ aumentar e diminuir fonte -
Sul terá queda de temperatura nos próximos dias
terça-feira, 22 de abril de 2014

Após a passagem de uma frente fria, o ar seco de origem polar vai avançar sobre o Sul do Brasil provocando queda de temperatura. A semana deve terminar com madrugadas mais frias no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. Veja o que diz o meteorologista Marcelo Pinheiro.

Semana típica de outono no RS
segunda-feira, 21 de abril de 2014

O Rio Grande do Sul terá uma semana típica de outono. Nesta segunda-feira, há possibilidade apenas de chuvas isoladas a partir da tarde na Grande Porto Alegre, no litoral norte, na Serra e no norte do Estado. A partir de amanhã (22), a maior parte do Estado ficará sob a influência de uma massa de ar polar que, além de impedir a formação de nuvens carregadas, vai deixar as temperaturas mais baixas. Não há previsão de frio rigoroso, mas muitas cidades vão registrar temperaturas abaixo de 10°C no decorrer da semana. O resfriamento da madrugada vai favorecer a formação de nevoeiro ao amanhecer, o que é muito comum também nesta época do ano. Assim que o nevoeiro se dissipar, o sol irá predominar e a temperatura sobe aos poucos. As tardes vão ser de temperaturas amenas, mas assim que o sol for embora, a temperatura irá cair rapidamente.

Frente fria avança pelo País nesta semana
domingo, 20 de abril de 2014

Uma nova frente fria avança pelo país ao longo dessa semana e vem acompanhada de um forte massa de ar polar. Na terça-feira esse sistema provocam chuva de até forte intensidade em Santa Catarina, no Paraná, em Mato Grosso do Sul e em São Paulo. Entre quarta e quinta-feira, com o avanço da frente fria, ocorrem pancadas de chuva no Rio de Janeiro, em Minas Gerais e no Espírito Santo.

A massa de ar frio provoca acentuada queda de temperatura, principalmente no Sul do país no final da semana. Novamente serão observadas temperaturas mínimas abaixa dos 10 graus na Região.

Vai chover estrelas!
sexta-feira, 18 de abril de 2014

Os meteoros são popularmente chamados de estrelas cadentes.  No dia 23 de abril de 2014 teremos uma chuva de meteoros visível em todo o Brasil e olho nu! Basta estar fora de locais muito iluminados. 

Neste Clima no Céu professor e astrônomo Marcos Calil orienta sobre como observar chuva de meteoros Pi Puppdis (PPU)  que vai acontecer no dia 23 de abril. O fenômeno começou a ocorrer no dia 15 e poderá ser observado até o dia 28. Porém, o dia 23 de abril será o máximo desta chuva de meteoros e a expectativa é de que se veja até 40 objetos caindo por hora.

 

 

O evento será vísivel por volta das 19 horas, olhando para sul, em todo o Brasil. Confira as explicações no vídeo e bons céus!

Você tem muito mais informações sobre astronomia no Canal de Astronomia da Climatempo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Chuva aumenta no Sul
sexta-feira, 18 de abril de 2014

Uma frente fria avança pelo litoral da Região Sul e é reforçada por áreas de instabilidade que estão sobre a Região já espalhando nuvens bastante carregadas. A chuva neste sábado deve ser mais frequente nos três estados e pode chover forte, menos na fronteira com o Uruguai. Para esta pequena porção do Sul do Brasil, a expectativa é de um sábado com muitas nuvens, mas sem chuva.

Há risco de ventos e a temperatura entra em declínio, ma não vai esfriar tanto como no começo da semana, quando houve até geada na serra catarinense. As condições para chuva diminuem só na segunda-feira.

 

 

 

 

 

 

Apesar dos temporais que já ocorreram sobre o Sul em abril, em média, a chuva do mês ainda bastante abaixo do normal.

O mapa mostra a anomalia de chuva de abril, calculada com base em 17 dias. A anomalia é diferença entre o quanto já choveu e a média normal de chuva.

 

 

 

 

 

 

O mapa mostra a previsão da quantidade de chuva para os próximos 15 dias.

 

 

Abril segue quente e úmido
sexta-feira, 18 de abril de 2014

Completamos um mês de outono em 20 de abril e o ar continua bastante úmido e quente sobre o Brasil. A grande disponibilidade de umidade e de calor mantém as condições para a ocorrência de pancadas de chuva frequentes por quase todo o país.

A análise da anomalia (diferença entre a chuva que ocorreu e a média normal) de chuva de abril mostra que já choveu acima da média em várias áreas do Nordeste, de Goiás e do Sudeste.

 

 

 


 

 

Pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia, na região de Barbacena, na zona da mata mineira, choveu em 17 dias de abril aproximadamente 100 mm, sendo que a média de chuva para o mês é de 68 mm Em João Pinheiro, no oeste de Minas, já choveu cerca de 120 mm e a média normal fica em torno de 68 mm. Em Belo Horizonte, o total de chuva de abril já atingiu 179 mm, quase três vezes a média para o mês que é de aproximadamente 60 mm. Em Goiânia, o acumulado em 17 dias está 293 mm, 143% acima da média normal que é de 121 mm. No sertão da Bahia, Remando acumulou cerca de 140 mm de chuva, sendo que a média fica em torno dos 90mm.

 

Confira a previsão de chuva para o Brasil até o início de maio, no comentário da meteorologista Josélia Pegorim.

 

 

 

Litoral do Sudeste tem sol neste sábado
sexta-feira, 18 de abril de 2014

O fim de semana prolongado da Páscoa começou com sol forte nas praias do Sudeste.  O sábado será com predomínio de sol e calor nas praias de São Paulo, do Rio de Janeiro e do Espírito Santo. Pode chover rápido em praias capixabas.

Na Baixada Santista, no litoral paulista, houve um grande aumento de nuvens no começo da tarde de sexta. A neblina se formou na serra obrigando a implantação da “operação comboio” no sistema Anchieta/Imigrantes. Mas a nebulosidade volta a diminuir e o sol reaparece neste sábado.

Já nas praias da Região Sul, o tempo fica muito instável devido a passagem de uma frente fria. Nuvens carregadas predominam no decorrer do dia e provocam várias pancadas de chuva. Há risco de raios.

 Confira a previsão da altura e da direção das ondas no Sul e no Sudeste do Brasil , com a meteorologista Josélia Pegorim. Ela alerta para uma agitação moderada que está sendo esperada entre os dias 20 e 21 de abril.

 

 

 

 

 

Para ver Marte, Júpiter e Saturno
sexta-feira, 18 de abril de 2014

 

 

 

 

 

 

 

 

Nesta edição do Clima no Céu, a meteorologista Josélia Pegorim conversa com o professor e astrônomo Marcos Calil que orienta sobre como observar os planetas Júpiter, Marte e Saturno. Os três planetas são fáceis de achar e se você tiver uma luneta, um binóculo legal ou uma câmera com lente mais potentes poderá ter uma visualização maior e mais interessante. E tem também chuva de meteoros  no dia 23 de abril. ons céus!

 Você sabe o que é chuva de meteoros, meteorito, meteoróide e bólido?   Você tem mais informações sobre  no Momento Astronômico, o Canal de Astronomia da Climatempo.

 

 

 

 

 

Só praias!
quinta-feira, 17 de abril de 2014

Tempo

Quase todo o fim de semana prolongado será marcado por muitas nuvens e chuva frequente nas praias do Sul do Brasil. Uma frente fria avança sobre a Região a partir desta sexta-feira . A nebulosidade persiste mesmo após o afastamento da frente fria. Os maiores períodos com sol devem ocorrer no litoral sul gaúcho no domingo e na segunda-feira.

Já nas praias do Sudeste, quase todo o fim de semana prolongado será com a presença do sol e temperaturas altas. Nesta sexta-feira pode haver muta névoa no litoral de São Paulo e do Rio de Janeiro, mas que se dissipa até o meio da manhã. As pancadas de chuva nas praias paulistas serão mais prováveis na tarde e noite do domingo e durante a segunda-feira. O Espírito Santo poderá ter chuva rápida no quatro dias, mas sempre com presença do sol.

 

 

 

Ondas

Após a ressaca do começo desta semana, as ondas já baixaram no litoral do Sul e do Sudeste do Brasil. O fim de semana prolongado da Páscoa e de Tiradentes começa com ondas em torno de 1 metro na maioria da praias, do Rio Grande do Sul ao Espírito Santo.  O mar baixa um pouco mais no sábado, mas durante a tarde do domingo, uma nova agitação deve começar a ser observada no Rio Grande do Sul. O mar volta a subir em São Paulo e no Rio de Janeiro na segunda-feira.

 

Confira detalhes com a meteorologista Josélia Pegorim.

 

 

 

 

 

 

 

#fotografeotempo
quinta-feira, 17 de abril de 2014

#fotografeotempo

 

 

porque os raios de sol que saem por trás das nuvens parecem o farol do céu

porque um céu azulzinho é lindo

porque quando a chuva vem forte o céu escurece

 

 

porque as nuvens às vezes ficam  coloridas

 

 

 

#fotografeotempo

Porque  tem sempre alguma coisa no céu para a contar a história do seu dia

Qual a imagem do seu tempo?

Qual o tempo do seu lugar? 

Participe! A sua foto pode ser o destaque. envie sua foto

Pelas redes sociais: #fotografeotempo

E não perca o novo desafio!

Depois do feriadão você vai ter uma nova

#missãoclimatempo