Posts com a Tag ‘Bataguassu’

+ aumentar e diminuir fonte -
Vendaval em Bataguassu (MS)
sábado, 19 de abril de 2014

A estação automática do INMET de Bataguassu no estado de Mato Grosso do Sul registra vendaval com rajadas de 81km/h na última observação. O vento forte veio acompanhado de chuva moderada com acumulação horária de 9,8mm. A temperatura, que chegou a 32,3 graus no período da tarde, agora cai para 18,9 graus.

Calor e fortes pancadas de chuva no Centro-Oeste
quarta-feira, 9 de abril de 2014

Dias secos e ensolarados são marca registrada do Centro-Oeste durante o outono. Mas por enquanto ainda há muita disponibilidade de umidade sobre a Região e o calor é intenso. A combinação de ar úmido e quente facilita a formação de várias áreas de instabilidade, que podem provocar pancadas de chuva com forte intensidade nesta quinta-feira. A chuva deve ocorrer preferencialmente à tarde e à noite e pode vir com raios e rajadas de vento fortes.

 

 

 

 

Choveu forte nesta quarta-feira especialmente em áreas de Mato Grosso e de Mato Grosso do Sul. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou 44,8 mm de chuva em Nova Ubiratã (MT) em apenas 1 hora, entre 17h e 18h, hora de Brasília. Em Cáceres choveu 60 mm entre 6h e meio-dia.

Em Mato Grosso do Sul ocorreram pancadas de chuva moderadas a fortes. Em Campo Grande, Chapadão do Sul e Bataguassu  choveu em torno de 20mm na tarde desta quarta-feira.

Vendaval em Bataguassu (MS)
domingo, 1 de setembro de 2013

Formação de áreas de instabilidade sobre o Mato Grosso do Sul mantém fortes rajadas de vento há mais de uma hora na região de Bataguassu, próximo a fronteira com o estado de São Paulo. Nas duas últimas horas observações, o vento soprou de sudoeste com rajadas de 71km/h. Durante o período da tarde, a temperatura no local chegou a 36,1 graus e a umidade relativa do ar caiu até 18%. No momento, a temperatura cai para 21,1 graus e a umidade relativa está em 74%.

Campo Grande registra novo recorde de frio
quinta-feira, 28 de março de 2013

O ar polar entrou forte sobre Mato Grosso do Sul na madrugada desta quinta-feira, como já vinha sendo previsto, e causou acentuada queda da temperatura. A capital, Campo Grande, teve a madrugada mais fria de 2013 até agora. Pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia, a temperatura mínima foi de 13,4ºC. O recorde anterior era de 17,6ºC na terça-feira passada, 26 de março.

A queda da temperatura nesta quinta-feira foi sentida em todo o Mato Grosso do Sul, mas foi mais intensa no centro-sul do estado. Confira algumas temperaturas mínimas registradas pelo Inmet:

Amambaí: 11,5ºC

Dourados: 12,6ºC

Juti: 12,7ºC

Sidrolândia: 13,1ºC

Jardim e Miranda: 13,3ºC

Sete Quedas: 13,6ºC

Corumbá e Paranaíba: 18,8ºC

Coxim: 17,3ºC

Bataguassu: 16,2ºC

O ar polar começa a se afastar de Mato Grosso do Sul já nesta sexta-feira, o que vai permitir a elevação da temperatura. A madrugada será fria, mas a tarde será com calor. No fim de semana, a temperatura fica amena à noite, mas o restante do dia será quente.

Chuva forte em MS avança para o oeste de SP
quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Uma área de chuva moderada a forte passa sobre a região de Anaurilândia, Bataguassu, Santa Rita do Pardo e Brasilândia, em Mato Grosso do Sul, e avança para o oeste de São Paulo. Na próxima hora, esta área de chuva deve se espalhar entre Teodoro Sampaio, Presidente Prudente, Paulicéia e Adamantina.

Chuva forte no leste de MS avança para o oeste de SP
domingo, 6 de novembro de 2011

Radares meteorológicos detectam áreas de chuva moderada a forte que passam sobre Anaurilândia, Bataguassu, Santa Rita do Pardo,Brasilândia, Três Lagoas e Selvíria, em Mato Grosso do Sul. Estas áreas de chuva avançam para São Paulo nas próximas horas atingindo cidades às margens do rio Paraná.

Temporal avança para Batagaussu (MS)
segunda-feira, 18 de julho de 2011

Uma pequena área chuva forte, com potencial para conter granizo e ventania, começou a atingir região de divisa entre Bataguassu e Anaurilândia. Nas próxima hora, essa tempestade continua se deslocando sobre Bataguassu

Ventania e chuva forte entre MS e SP
segunda-feira, 18 de julho de 2011

Uma pequena área de chuva, mas extremamente forte, vem sendo detectada nas últimas horas por radares meteorológicos. O sistema passou por Ivinhema (MS) e Bataiporã (MS) e pouco antes das 14 horas, hora de Brasília, começou avançar sobre o município de Anaurilâdia (MS). Dentro das próximas 2 horas, esta instabilidade intensa tende a passar sobre áreas de Bataguassu e atingir a região de Presidente Epitácio, em São Paulo.

Esta área de instabilidade é pequena, mas por onde passar poderá provocar chuva extrema, com grande volume e pouco tempo. Há risco de ventania com, com rajadas superiores a 80 km/h, além queda de granizo.