Posts com a Tag ‘Ceará’

+ aumentar e diminuir fonte -
Chuva forte no litoral do Nordeste nos próximos dias
sexta-feira, 1 de maio de 2015

Chuva forte em capitais do Nordeste

Os primeiros dias de maio são de atenção para chuvas fortes em várias regiões do litoral do Nordeste, que devem afetar também as capitais Salvador, Recife, João Pessoa, Natal e Fortaleza.

Uma frente fria ainda está ativa no litoral da Bahia e estimula o crescimento de nuvens carregadas no litoral e no interior do Estado. Aglomerados de nuvens carregadas crescem no mar e avançam para o litoral do Nordeste, na altura do Rio Grande do Norte e da Paraíba. As nuvens aparecem como manchas coloridas. Os tons de vermelho representam nuvens com maior potencial para raios e chuva forte.

 

Nos próximos dias, estas nuvens carregadas devem ficar se espalhar por toda a região entre o litoral do Ceará e de Pernambuco. Para as capitais Fortaleza, Natal, João Pessoa e Recife, o risco de chuva forte e de raios já aumenta neste sábado e persiste até a quarta-feira. Para Salvador, o risco de chuva forte e de raios é alto no fim de semana e diminui bastante na segunda-feira, 4 de maio.

A meteorologista Josélia Pegorim mostra a evolução das áreas de instabilidade no litoral do Nordeste.

 

Por que é mais difícil chover sobre Alagoas e Sergipe?

Muita chuva no Ceará
quinta-feira, 30 de abril de 2015

A chuva caiu com força em áreas do norte do Ceará desde o início da semana. A presença de sistemas como a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) incentivam a presença de diversas nuvens carregadas. Mas a ZCIT perdeu sua configuração durante a semana, mas a chuva ainda continua em diversas áreas cearenses nos próximos dias. Há o risco de chuva forte também sobre Fortaleza.

Clique na imagem e acompanhe o satélite para todo o Brasil

Com o aumento da chuva previsto ao longo dos próximos dias, o risco do chamado “sangramento” dos açudes aumenta. Os açudes são grandes áreas com água represada que transbordam, “sangram”, durante o período chuvoso. As últimas semanas do mês de abril já tiveram muita chuva em áreas do Ceará. Segundo informações da FUNCEME entre os dias 22 e 23 choveu um total de 162mm em Crato e 159mm em Barbalha.

Os modelos de previsão do tempo indicam mais chuva ao longo dos próximos dias. Há o risco de chuva forte com grandes volumes de chuva acumulados que podem acarretar em alagamentos e novos transbordamentos.

Clique na imagem e veja a distribuição de chuva em todo o Brasil nos próximos dias

Aniversário de Fortaleza
domingo, 12 de abril de 2015

A cidade de Fortaleza completa neste segunda-feira 289 anos e a previsão é de tempo instável na cidade.

Áreas de instabilidade associadas a Zona de Convergência Intertropical, um sistema atmosférico que influencia o regime de chuvas em parte do Nordeste do país, se espalham sobre todo o norte da Região e facilitam a formação de muita nebulosidade sobre Fortaleza, com previsão de várias pancadas de chuva a qualquer hora do dia, com até forte intensidade em alguns momentos.

Durante este mês de abril, já choveu cerca de 85mm até a tarde do domingo, segundo a estação automática do Instituto Nacional de Meteorologia (INMet), o que vale a 34% da média de chuva para o mês na capital cearense. Para esta segunda-feira, são esperados mais cerca de 17mm de chuva na cidade. A temperatura mínima fica na casa dos 24°C e a temperatura máxima fica na casa dos 30°C.

Nordeste tem muita chuva nas próximas 48h
segunda-feira, 23 de março de 2015

Nuvens muito carregadas voltaram a se espalhar sobre o Nordeste provocando chuvas volumosas em diversas áreas da Região, incluindo capitais. O outono é época de chuva em grande parte do Nordeste e temporais são comuns.

Nuvens carregadas da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) avançam novamente sobre o Nordeste trazendo chuva forte, raios e até ventania. No fim da tarde desta segunda-feira, a passagem desta nuvens sobre Fernando de Noronha provocou rajadas de vento de 96 km/h no aeroporto local. A chuva torrencial reduziu a visibilidade para 500 metros. Voltou a chover forte sobre Natal e João Pessoa, que teve alagamentos no fim de semana, começou a noite de segunda-feira com trovoadas.

 

 

ZCIT e frente fria

Pelo menos nas próximas 48 horas, grandes de áreas de instabilidade devem atuar sobre o  Nordeste provocando pancadas de chuva frequentes, com raios e ventos fortes. Há risco de chuva forte que pode causar alagamentos e deslizamento de terra. Nas capitais, há risco de temporais em São Luis, Teresina, Fortaleza, Natal, João Pessoa e Recife.

Além das nuvens carregadas da ZCIT que avançam para o norte do Nordeste, uma frente fria está próxima ao sul da Bahia e ajuda a formar nuvens de chuva na porção sul  do Nordeste.

 

 

Capitais com chuva acima da média

Chuvas frequentes e fortes são comuns em março em muitas áreas do Nordeste. Quase todas as capitais já sofreram com temporais este mês.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, João Pessoa, capital da Paraíba, já acumulou 304 mm de chuva em 23 dias, 28% acima da média normal para o mês. Em Recife já choveu quase 275 mm e a média para março fica em torno de 262 mm. Em São Luis o acumulado de março de 324 mm está 23% abaixo da média.

Em Natal já choveu 205 mm, 5% acima da média histórica. Fortaleza acumulou em 23 dias de março quase 317 mm de chuva, volume que está apenas 6% abaixo da média para o mês

Dia de muita chuva em Fortaleza, Natal e João Pessoa
quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Áreas de instabilidade continuam ativas sobre várias estados do Nordeste e provocam mais chuva nesta quarta-feira. Mas agora a situação é de alerta para muita chuva na faixa litorânea entre o Ceará e a Paraíba. Nuvens carregadas começaram a se espalhar sobre estas regiões na noite de ontem e hoje deve permanecer paradas por muitas horas provocando chuva constante.

Com a chuva persistente, até com forte intensidade em algumas horas, os volumes acumulados vão ser elevados até a noite desta quarta-feira. O excesso de chuva pode causar alagamentos e outros transtornos nas áreas urbanas. Além disso, há risco também de raios e de rajadas de vento moderadas a fortes. A situação é de alerta também para as capitais Fortaleza, Natal e João Pessoa.

Segundo informações do Cemaden, entre 6 horas do dia 24 e 6 horas de 25 de fevereiro, algumas regiões de Natal já haviam acumulado 49 mm de chuva. Em Fortaleza, o acumulado máximo neste período foi de 36 mm e na região de João Pessoa, 31 mm.

As imagens de satélite mostram parte da evolução das áreas de instabilidade entre o Ceará e a Paraíba.

24 de fevereiro de 2015 às 19h15

25 de fevereiro de 2015 às 00h45

25 de fevereiro de 2015 às 04h45

 

 

 

Como será a chuva de março no Nordeste?

Muitas nuvens em Fortaleza (CE)
sábado, 10 de janeiro de 2015

O aeroporto de Fortaleza no estado do Ceará registra formação de muitas nuvens no céu. O vento sopra fraco de leste e a temperatura é de 27 graus.

Estiagem ameaça sistema de irrigação na região Nordeste
segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Até mesmo a água subterrânea está secando na Chapada do Apodi, região que abrange o Ceará e o Rio Grande do Norte. Agricultores esperam as chuvas de janeiro ansiosamente devido o sistema de irrigação que esta sendo prejudicado. Os próximos dias terão pancadas de chuva, mas nada que alivie o quadro de seca da região. Confira qual será a tendência do acumulado de chuva para os próximos dias em todo o Brasil.

Muito calor em Juazeiro do Norte (CE)
sábado, 29 de novembro de 2014

O tempo firme e o predomínio de sol mantém a temperatura alta em Juazeiro do Norte. Segundo informações do aeroporto, faz 36°C no momento.

Litoral do Nordeste em atenção para mais chuva
quarta-feira, 9 de julho de 2014

Áreas de instabilidade crescem no oceano espalhando nuvens carregadas em regiões próximas do litoral de vários estados do Nordeste.

Nas imagens de satélite, as nuvens carregadas aparecem em manchas azuladas e brancas. Ao que tudo indica, o núcleo mais à direita, que está ainda afastado sobre o oceano, pertence a uma Onda de Leste que deve chegar à costa leste do Nordeste no fim de semana.

 

 

A situação é de atenção na costa norte entre o Maranhão e o Rio Grande do Norte e a costa leste, entre o Rio Grande do Norte e Pernambuco. Nos próximos dias, há risco de eventos de chuva forte.

Nos mapas, as manchas coloridas indicam áreas de chuva. Os tons em amarelo, alaranjado e vermelho indicam chuva moderada a forte.

 

 

 

Veja o quanto choveu nas capitais do Nordeste em junho. A chuva ficou muito acima da média em Natal por causa da chuva de uma Onda de Leste.

 

Alemanha e Gana: decisão em Fortaleza
sábado, 21 de junho de 2014

Alemanha e Gana jogam às 16 horas em Fortaleza, no Arena Castelão. Nuvens carregadas rondavam a capital do Ceará ontem, mas a previsão de diminuição das nuvens está se confirmando. O sol estava forte no começo da tarde. A temperatura no aeroporto local, às 14h, era de 30°C com umidade relativa do ar de 49%. Ontem a esta hora, a temperatura era de 29°C e a umidade de 58%.

A imagem de satélite do começo da tarde deste sábado mostrava poucas nuvens sobre Fortaleza. Compare com as imagens de ontem.

 

 

 

 

E veja por que este jogo é tão importante para Alemanha e Gana.

Tempo no Jogo, o canal da Climatempo na Copa 2014. De olho na bola e no tempo!

Participe! Clique o tempo na Copa: #temponojogo