Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Um pouco de chuva para o Nordeste

25/11/2015 às 22:11
por Josélia Pegorim

Atualizado 26/11/2015 às 14:01

Nuvens carregadas voltaram a se formar sobre várias áreas no centro, oeste e sul da Bahia. Desde o início da semana, as imagens de satélite estão mostrando estas nuvens em parte da Bahia, do Maranhão e do Piauí.

 

 

Na região Piatã, na Bahia, a chuva caiu forte no começo da noite da quarta-feira, 25 de novembro. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou quase 26 mm de chuva em apenas 2 horas. A noite começou com chuva também na região de Vitória da Conquista. Pela manhã, choveu forte na região de Buritama acumulando 21 mm em duas horas. Irecê também teve chuva num total de 112 mm em apenas 1 hora.

 

A forte massa de ar seco que vem predominando sobre o Nordeste se afastou um pouco permitindo esta mudança em algumas áreas do Nordeste. Mas a presença de uma frente fria no litoral da Bahia vai ajudar a aumentar a chuva nas próximas 48 horas.

A chuva poder vir com raios e até forte em alguns locais, mas infelizmente não há condições para que a chuva caia generalizada e persista por muitas horas. Não tem chuva para todos. Muitas áreas do Nordeste terão um aumento da nebulosidade nos próximos dias, mas não terão a chuva.

 

O mapa mostra a estimativa de chuva para o Nordeste para os próximos cinco dias. Os tons de marrom indicam volumes de chuva em geral abaixo de 10 mm acumulados em cinco dias.

 

 

Chuva para Salvador

 

Na capital da Bahia, Salvador, a chuva anda escassa. Ainda que esta época não seja normalmente de muita chuva, o tempo tem estado seco demais. Desde o início de setembro até agora Salvador recebeu aproximadamente 40 mm de chuva. Em novembro até agora só choveu 1,1 mm. Os dados são do Instituto Nacional de Meteorologia.

A frente fria que avança pelo litoral da Bahia vai ajudar a concentrar a umidade para formar nuvens de chuva sobre a região de Salvador, mas novembro deve terminar ainda com chuva muito abaixo da média.

 

 

 

A falta de chuva é generalizada sobre o Nordeste. Apenas esta semana ocorreram algumas fortes pancadas de chuva no sul do Maranhão e do Piauí. Alvorada do Gurgéia, no Piauí, acumulou 45 mm de chuva nesta quarta-feira em apenas 2 horas.

Nas capitais, a situação é de grave seca. A falta de nuvens e de chuva deixa as temperaturas mais altas do que o normal. Todas as capitais nordestinas vão terminar o mês com chuva muito abaixo da média, mesmo sendo época de chuva.

 

 

Saiba como a situação de pouca chuva pode ajudar e também prejudicar o andamento de obras