Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter

ESPECIAL INVERNO 2016

publicidade

Tempo vira pelo avesso no Rio nesta terça

15/08/2016 às 17:38
por Josélia Pegorim

Áreas de instabilidade que mudaram o tempo no estado de São Paulo nesta segunda-feira chegam ao Rio de Janeiro e viram o tempo pelo avesso nesta terça-feira.

 

Depois de um dia ensolarado e muito quente, o Rio de Janeiro passa a terça-feira com muitas nuvens e risco de chuva a qualquer hora. Porém, a maior possibilidade de chuva deve ser para a madrugada, manhã e noite. Não há expectativa de temporal, mas há risco de raios. Ao longo do dia, há chance de períodos com sol, mas nada de céu azul.

O Instituto Nacional de Meteorologia registrou uma temperatura máxima de 37,1°C na região de Realengo, na zona oeste carioca. 

 

Mais vento

O vento tem grande variabilidade de direção e de intensidade nesta terça-feira. A previsão é de que a direção oscile entre noroeste e sudoeste e as rajadas máximas fique em torno dos 60 km/h.

As rajadas não devem ser intensas como as que ocorreram na tarde desta segunda-feira. A estação meteorológica do Forte de Copacabana, operada pelo Instituto Nacional de Meteorologia, registrou uma rajada com 75 km/h, às 16 horas. Foi este vento forte que gerou os comentários repentinos dos narradores da partida de vôlei de praia entre o Brasil e os Estados Unidos. Os jogadores brasileiros Alison e Bruno também comentaram sobre o vento forte que interferiu na perfomance.

Na região da Vila Militar, na zona oeste do Rio, uma rajada chegou aos 65 km/h às 16 horas. A base aérea de Santa Cruz registrou rajadas de até 66 km/h.

Menos calor

O aumento da nebulosidade, a chuva e os ventos fazem o calor diminuir, mas não chega a fazer frio. A sensação será de abafamento para o público e para os atletas.

Poluição

O aumento dos ventos ajuda a dispersar a poluição. Confira a previsão da qualidade do ar para esta terça-feira.

Maratona aquática

Nesta terça-feira, a partir das 9 horas e valendo medalha, acontece a maratona aquática masculina. Com a previsão de muitas nuvens no Rio já pela manhã, o sol não deve fica tão forte como na prova feminina que ocorreu nesta segunda-feira. Assim, o desgaste os homens será menor.

A maratona aquática ocorre na praia de Copacabana e a previsão é de ondas em torno de 0,5m, com ondulação marcada de sul.

 

Umidade

A umidade aumenta no Rio de Janeiro com a passagem das áreas de instabilidade e da frente fria pela costa. O nível de umidade no ar deve se manter alto, acima dos 50%