Áreas de instabilidade ganham força sobre o Sul

28/02/2018 às 16:42
por Maria Clara Machado

Oferecimento
Curitiba e Florianópolis encerram fevereiro com chuva abaixo da média

Março vai começar com maiores condições de chuva no Sul do Brasil. As áreas de instabilidade vão atuar com mais força nos próximos dias e há risco de chuva forte em parte do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e o Paraná. 

 

Março começa com pancadas de chuva 

O fluxo de ar quente e úmido vindo do Norte do país está ganhando força sobre a Região Sul facilitando a formação de nuvens carregadas. Ao mesmo tempo, um sistema de baixa pressão atmosférica ganha força sobre o Paraguai e o norte da Argentina, e também vai colaborar para a formação das nuvens de chuva. 

 

Nesta quinta-feira (1), toda a Região Sul terá períodos de sol e calor. As nuvens aumentam no decorrer do dia e há previsão de pancadas de chuva com raios. A chuva tende a ser mais frequente e até de forte intensidade em municípios do Paraná e de Santa Catarina, inclusive em Curitiba e Florianópolis.  

 

A parte norte do Rio Grande do Sul, áreas serranas do estado e a Grande Porto Alegre poderão ter pancadas de chuva moderadas. Já a menor quantidade de chuva, deve ocorrer sobre o centro-sul gaúcho, região que enfrenta problemas por causa da seca. 

 

Foto: Luiz Miguel Campo Novo/RS.
 

Tendência para o fim de semana 

Quase todo o Sul do Brasil vai seguir instável com condições para mais pancadas de chuva e risco de chuva forte até o próximo domingo (4). Os meteorologistas já esperam por uma nova frente fria no início da semana que vem. 

 

Entenda as mudanças sobre o Sul do Brasil que vão favorecer a ocorrência de chuva nestes primeiros dias de março com a meteorologista Josélia Pegorim:

 

 

Faltou chuva em fevereiro 

A Região Sul do Brasil terminou o mês de fevereiro com chuva abaixo da média em muitas áreas. Entre as capitais,Porto Alegre (RS) fechou o mês com 20% acima da média mensal. Pelo Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), o total acumulado de chuva do dia 1 até às 9 horas do dia 28 foi de 119 mm. A média para fevereiro é de 99 mm. 

 

Curitiba (PR) e Florianópolis (SC) encerraram fevereiro com déficit de chuva. No mesmo período, Curitiba acumulou 101 mm, ficando 29% abaixo da média mensal, que é de 142 mm. Florianópolis acumulou no total 129 mm, ficando 35% abaixo da média de fevereiro, que é de 197 mm, pelo INMET.  

 

Veja no Agroclima: Clima favorece plantio do milho em grande parte do BR  

 

  

CIDADES RELACIONADAS

Florianópolis - SC

12°
min

18°
max

5mm / 90%

Porto Alegre - RS

13°
min

17°
max

0mm / 0%