Mar muito agitado e ressaca no Sul e no Sudeste

26/10/2018 às 17:45
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Ondas podem passar dos 3 metros no RS, SC e RJ

O último fim de semana de outubro de 2018 é com alerta para ventania e mar muito agitado na costa do Sul e do Sudeste do Brasil por causa do deslocamento de um grande e forte ciclone extratropical. Este sistema se organiza entre a noite o dia 26 e a manhã do dia 27 de outubro, com o centro de baixa pressão atmosférica entre o litoral de Santa Catarina e de São Paulo.

 

No decorrer da tarde do sábado, 27, este ciclone extratropical fica mais forte sobre o mar e os ventos se intensificam. Rajadas entre 70 km/h e 100 km/h poderão ocorrer entre a tarde do sábado, 27, e a madrugada da segunda-feira, 29 de outubro, em vários pontos da faixa litorânea desde o Rio Grande do Sul até o Espírito Santo.

 

Mar muito agitado e ressaca

O vento forte e persistente sobre uma grande área oceânica deixa o mar muito agitado na costa do Sul e do Sudeste do Brasil e há previsão de grande elevação das ondas. Há risco de ressaca.

 

Altura das ondas no litoral da Região Sul

O mar começa a ficar agitado no litoral do Rio Grande do Sul e no sul de Santa Catarina no sábado na manhã do sábado, 27 de outubro, com ondas de até 2,5 metros. Durante a tarde do sábado, a região de Florianópolis já estará com mar muito agitado. No decorrer a tarde e na noite do sábado, as ondas crescem mais e podem ter picos de 3,0 metros. Na madrugada do domingo, ondas de até 4 metros poderão ocorrer nestas áreas.

No litoral norte de Santa Catarina e no litoral do Paraná, o mar não se altera muito no sábado. Mas durante a madrugada do domingo, 28, a agitação no mar aumenta rapidamente e as ondas podem ter picos de 2,5 a 3,0 metros no decorrer do dia.

 

Na madrugada e manhã da segunda-feira, 29 de outubro, as ondas devem devem diminuir para picos máximos de 2,0 a 2,5 metros, mas o mar continua muito agitado e ainda tem risco de ressaca. No decorrer da tarde do dia 29, as ondas diminuem bastante e já não devem passar de 2,0 metros.

 

Altura das ondas no litoral da Região Sudeste

A agitação marítima no litoral da Região Sudeste será sentida durante o domingo, 28, e na segunda-feira, 29 de outubro. Tem risco de ressaca em São Paulo e em parte do Rio De Janeiro.

Para o sábado, a previsão é de ondas de 0,5 a 1,0 metro no litoral de São Paulo, do Rio de Janeiro e do Espírito Santo.

Na madrugada e principalmente na manhã do domingo, 28 de outubro, uma forte agitação no mar ocorre em São Paulo e no Rio de Janeiro, entre Paraty e Arraial do Cabo, na região dos Lagos. As ondas crescem muito rapidamente e devem ter picos de até 2,5 a 3,0 metros, com risco de ressaca. Na tarde e noite do domingo, ondas de 3,5 metros podem ocorrer no litoral entre a cidade do Rio de Janeiro e Arraial do Cabo.

Na madrugada da segunda-feira, 29, as ondas diminuem para picos máximos de 2,5 metros, mas ainda há risco de ressaca. A altura das ondas diminui mais durante a tarde e já não deve ter mais ressaca.

No litoral norte do Rio de Janeiro e no litoral do Espírito Santo, o mar fica agitado no decorrer da tarde no domingo e até a noite podem ocorrer ondas de 2,0 a 2,5 metros, com risco moderado de ressaca na costa norte fluminense. No litoral capixaba, a chance de ressaca é baixa porque as ondas maiores devem passar paralelas à costa e não avançar diretamente para o litoral capixaba.

Na segunda-feira, 29 de outubro, o mar ainda estará muito agitado nestas regiões, com ondas de até 2,0 metros na madrugada. No decorrer da manhã e tarde, as ondas vão diminuindo.



Velocidades dos ventos

No litoral, as rajadas mais intensas, entre 70 km/h e 100 km/h devem ocorrer entre tarde do sábado, 27, e a madrugada da segunda-feira, 29 de outubro, entre o litoral norte do Rio Grande do Sul e a região dos Lagos, no Rio de Janeiro. No litoral sul gaúcho, o litoral norte do Rio de Janeiro e no litoral do Espírito Santo, as rajadas mais intensas devem ser da ordem de 70 km/h. Mas é preciso lembrar que, em alto mar, algumas rajadas podem até superar os 100 km/h.

As capitais Florianópolis e Rio de Janeiro, por serem litorâneas, vão sentir ventos mais intensos. Na capital catarinense, o vento fica forte já na manhã do sábado, mas no Rio de Janeiro, só deve começar a ventar forte na noite do sábado, 27. No domingo, as rajadas  em Florianópolis podem chegar aos 100 km/h e no Rio aos 80 km/h.

Em Porto Alegre, São Paulo e em Vitória, podem ocorrer rajadas entre 50 km/h e 70 km/h.  

No decorrer da segunda-feira, com o afastamento do ciclone extratropical em alto-mar, a velocidade dos ventos diminui rapidamente e já não devem apresentar grande risco no litoral na manhã do dia 29.



Avisos de ressaca emitidos pela Marinha do Brasil

AVISO NR 909/2018

AVISO DE RESSACA

EMITIDO ÀS 1500 HMG - QUI - 25/OUT/2018

RESSACA ENTRE FLORIANÓPOLIS (SC) E CABO DE SÃO TOMÉ (RJ) A PARTIR DE 271800 HMG. ONDAS DE SW/SE 2.5/3.5 METROS.

VÁLIDO ATÉ 290000 HMG.



AVISO NR 912/2018

AVISO DE RESSACA

EMITIDO ÀS 1300 HMG - SEX - 26/OUT/2018

RESSACA ENTRE CHUÍ (RS) E FLORIANÓPOLIS (SC) A PARTIR DE 281200 HMG. ONDAS DE SE/E 2.5/3.5 METROS PASSANDO 2.5 METROS.

VÁLIDO ATÉ 291200 HMG.

 

CIDADES RELACIONADAS

Florianópolis - SC

20°
min

26°
max

20mm / 90%

São Paulo - SP

16°
min

27°
max

5mm / 67%