Alerta para muita chuva no litoral de SP e do RJ

29/02/2020 às 22:37
por Josélia Pegorim

Atualizado 29/02/2020 às 23:35

Oferecimento
Atenção para cheia de córregos e rios, quedas de barreiras e alagamentos.

O mês de março começa com a chegada de outra frente fria na costa da Região Sudeste, que vai colaborar para a intensificação das áreas de instabilidade nos próximos dias. Há uma preocupação especial com a ocorrência de chuva  volumosa e prolongada em particular no litoral de São Paulo e do Rio De Janeiro, incluindo a cidade do Rio de Janeiro.

 

Em Iguape, no litoral sul de São Paulo, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 102,6 mm entre 22 horas do dia 28 e 22 horas de 29 de fevereiro. 

Pela medição do  CEMADEN – Centro Nacional de Monitoramento e Desastres Naturais - apenas entre 19h30 e 22h30 da noite do sábado, 29 de fevereiro, vários locais entre  Bertioga (SP) e Angra dos Reis (RJ) acumularam de 20 mm a 40 mm de chuva.

 

Esta frente fria está avançando pelo oceano e neste domingo, 1 de março, alcança o litoral fluminense. Além da intensificação da circulação marítima, que vai levar mais umidade do mar para o continente, a previsão é de que durante a terça-feira, 3 de março, ocorra a organização de um sistema de baixa pressão atmosférica sobre o mar, próximo ao litoral de São Paulo e do Rio de Janeiro, que também vai colaborar para aumentar a injeção de umidade marítima e formar densas nuvens de chuva. 



Alerta para muita chuva no litoral de SP e do RJ

O aumento da chuva no litoral de São Paulo e do Rio de Janeiro, incluindo a cidade do Rio de Janeiro, já podia ser percebido na noite do sábado, 29 de fevereiro. A previsão é que as áreas de instabilidade se intensifiquem neste domingo, 1 de março, com chuva moderada a forte por muita horas consecutivas. 

 

A chuva persistente e moderada, mas também forte em algumas horas, deve se prolongar com poucos momentos de trégua pelo domingo, 1, e na segunda-feira, 2 de março. Entre os dias 3, terça-feira, e 5 de março, quinta-feira, mesmo com a possibilidade de alguns períodos com sol, a chuva ainda será frequente e por vezes moderada a forte.

 

Alagamentos, enchente, deslizamento 

O grande volume de chuva que deve ser acumulado especialmente durante o domingo, 1, e a segunda-feira, 2 de março, tem potencial para causar grandes alagamentos nas áreas urbanas

Quem mora nas cidades litorâneas e em áreas próximas de encostas, de morros, deve ficar mais atento possíveis deslizamentos de terra. Há risco para queda de barreira nas estradas que ligam o Vale do Paraíba e o Planalto Paulistano ao litoral paulista. 

 

A população deve ficar atenta ainda para cheia de córregos e rios

 

É importante considerar agora que, mesmo sem temporais como já tivemos em fevereiro e em janeiro, o risco de enchente, alagamento, deslizamento  é alto. Rios e córregos estão com nível bastante elevado devido à chuva volumosa destes dois meses. O solo está encharcado. Assim, a chuva moderada e persistente já poderá desencadear estes transtornos.

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

16°
min

21°
max

35mm / 80%

Rio de Janeiro - RJ

19°
min

29°
max

20mm / 67%