Tufão Malakas

16/09/2016 às 16:37
por Bianca Lobo

Atualizado 17/09/2016 às 15:25

Oferecimento
Taiwan e Japão serão afetados

Um novo Tufão no Oceano Pacífico Oeste leva riscos à Taiwan e também ao Japão neste fim de semana. Às 14h do dia 17 de setembro (horário de Brasília), o centro do Tufão Malakas estava entre a costa norte de Taiwan e a costa sudeste de China, com ventos sustentados de 144 km/h e rajadas de até 216 km/h (equivalente a um furacão de categoria 2).

 

Figura 1 - Imagem do satélite Himawari-8 das 14h do dia 17 de setembro de 2016 (horário de Brasília).

 

Ao longo do domingo Malakas se desloca para o sul/sudoeste da costa do Japão, com rajadas de vento de aproximadamente 216 km/h, segundo a Agência Meteorológica Japonesa  (Japan Meteorological Agency - JMA). Além dos ventos fortes, são esperadas chuvas fortes, com potencial para alagamentos e deslizamentos de terra, e forte agitação marítima que levará a potencialização de inundações nas áreas costeiras.

 

O  Tufão Malakas não deverá levar chuva forte para as áreas ao sul de Taiwan, que foram as mais atingidas pelo Super Tufão Meranti, que atingiu o país entre a terça e a quarta-feira (entre os dias 13 e 14 de setembro). Dessa vez as chuvas mais intensas ficarão concentradas no norte do país. O centro de meteorologia de Taiwan já emitiu avisos meteorológicos para chuva extremamente forte para os condados de Yilan, Miaoli, Hsinchu, Taoyuan e Nova Taipei. A capital do país também será afetada. 

 

No começo da próxima semana Malakas deve atingir a Ilha de Kyushu, a terceira maior do Japão, e todo o centro-sul do país, mas já mais enfraquecido, mesmo assim levando risco de chuvas e ventos fortes para a região. 

 

Figura 2 - Previsão de chuva acumulada pelo modelo meteorológico entre os dias 17 e 21 de setembro de 2016.

 

CIDADES RELACIONADAS

Brasília - DF

16°
min

26°
max

15mm / 83%