Quando o calor vai diminuir em SP?

26/12/2016 às 11:30
por Josélia Pegorim

Atualizado 26/12/2016 às 20:14

Oferecimento
Capital tem maior numero de dias consecutivos com calor acima dos 30°C

O calor do fim de semana de Natal incomodou muita gente e continua no decorrer da semana em todo o estado de São Paulo.

A tarde de 26 de dezembro foi a mais quente do verão em São Paulo, que começou no dia 21. A temperatura máxima no Mirante de Santana foi de 33,7°C, com possibilidade de revisão para mais na leitura das 22 h (00UTC). Esta foi a terceira maior temperatura na cidade de São Paulo este ano, pela medição do Inmet. O recorde atual é de 35,9°C, no dia 19 de outubro

35,9°C em 19 de outubro (Record de 2016)
35,0°C em 17 de outubro
33,8°C em 20 de outubro
33,7°C em 26 de dezembro
 
Choveu?
Muita gente não viu a chuva e nem ouviu trovão, mas choveu nesta segunda-feira e os radares meteorológicos registraram. Foi uma chuva rápida, em poucas áreas da capital e da Grande São Paulo. Este tipo de  pancada de chuva pode se repetir nesta terça-feira.
 
 
 

Calor acima de 30°C na capital

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, a última vez que temperatura máxima na cidade de São Paulo ficou abaixo dos 29°C foi no dia 18 de dezembro, quando a máxima foi de 28,8°C. Entre 19 a 25 de dezembro, seis dias, a temperatura máxima na capital paulista ficou sempre maior do que 30°C. Este foi o maior número de dias consecutivos com calor igual ou acima de 30°C em São Paulo, superando os cinco dias de outubro, de 16 a 20, quando isto aconteceu e quando São Paulo bateu o recorde de calor para 2016, 35,9°C, no dia 19 de outubro

 

Frente fria fraca

Até a virada para 2017, uma nova frente fria passa ao largo do litoral paulista, entre os dias 28 e 29 de dezembro, mas com fraca intensidade. O ar frio polar desta frente fria é fraco e não terá força para baixar a temperatura em São Paulo. O calor vai continuar pelo menos até a virada.

O sistema de alta pressão atmosférica conhecido como ASAS (Alta Pressão Subtropical do Atlântico Sul) ganhou força sobre a Região Sudeste do Brasil e causou a diminuição da chuva em todos os estados. A ASAS vai continuar predominando no Sudeste até o fim de 2016.

 

Confira a previsão para o estado de São Paulo até o fim da semana

 

 

Pouca chuva

O aumento do calor foi geral no estado de São Paulo e está relacionando com diminuição da chuva. Esta situação vai predominar no decorrer da semana. Com o excesso de calor no ar, não dá para descartar completamente a ocorrência de pancadas de chuva no estado de São Paulo nos próximos dias, mas não há condições para a chuva generalizada.

Pelo menos até passagem para o ano de 2017, os paulistas vão continuar convivendo com muito calor e pouca chuva. As pancadas de chuva que ocorrerem serão em poucas áreas, em geral no fim da tarde e no começo da noite, mas com curta duração.

 

Canal verão: dicas de saúde, turismo, tempo, esporte para curtir a época mais quente do ano

 

Festa da virada para 2017

Com calor não se brinca! Não dá para eliminar completamente a chance de pancadas de chuva no estado de São Paulo no de 31 de dezembro 2016, por causa do calorão. Mas a chuva que ocorrer será à tarde ou no máximo até o começo da noite. A chance da chuva atrapalhar as festas de ano novo é baixa, inclusive na Grande São Paulo e pelo litoral.

 

 

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

16°
min

21°
max

35mm / 80%

Natal - RN

25°
min

31°
max

2mm / 90%