Belo Horizonte está quase 100 dias sem chuva

18/09/2017 às 14:13
por Josélia Pegorim

Oferecimento
A primavera começa com uma deficiência de 70% de chuva em relação à média anual

No dia 17 de setembro, a região de Belo Horizonte completou 95 dias praticamente sem chuva e pode chegar aos 100 até o final desta semana, com a expectativa da continuidade do tempo seco.

 

 

Pelas medições do Instituto Nacional de Meteorologia na estação meteorológica localizada no bairro de Santo Agostinho, região central de Belo Horizonte, a última chuva que molhou o chão ocorreu entre os dias 12 e 13 de junho que deixou acumulado de 12,6 mm. Chuviscou no dia 30 de junho a estação meteorológica de Santo Agostinho registrou 0,5 mm, mas que não alterou em nada o quadro da estiagem de inverno. O INMET não registrou chuva durante o mês de agosto.

Na prática, Belo Horizonte está sem chuva há 95 dias e pode atingir a marca dos 100 dias no fim desta semana, diante da expectativa de pouca ou nenhuma chuva para a Região Sudeste do Brasil para os próximos dias.

 

 

Previsão para a semana no Sudeste

O tempo permanece úmido nas regiões do Vale do Rio do Doce e do Vale do Jequitinhonha. Muitas nuvens se formam e podem provocar chuviscos e ou alguma chuva leve, mas em poucas áreas destas regiões. Estas duas regiões ainda recebem ar úmido que vindo do mar, mas que não tem força para a se espalhar sobre outras regiões do estado. O tempo seco predomina sobre Minas Gerais até o fim da semana. Não já expectativa de chuva para o Rio de Janeiro.

Algumas nuvens até se formam sobre a Grande Belo Horizonte, mas não há previsão de chuva pelo menos até o domingo, 24 de setembro. 

Na terça-feira, 19, e no sábado, 23 de setembro, há uma pequena possibilidade de chuva em poucas áreas da Serra da Mantiqueira na divisa de Minas Gerais com o estado de São Paulo

Algumas áreas do centro-sul e do leste do estado de São Paulo poderão ser beneficiadas com rápidas pancadas de chuva entre a tarde e a noite desta terça-feira, 19 e no sábado, 23.

 

Seca em BH

Chover muito pouco e até não chover na Grande Belo Horizonte durante o inverno é uma situação comum, como em todo o estado de Minas Gerais. A estação é o período normal de estiagem no estado de Minas Gerais, de forma geral.

Na região de Belo Horizonte, os problemas de abastecimento de água vieram da chuva abaixo do normal nos últimos quatro verões de 2013/2014, 2014/2015 e 2015/2016 e 2016/2017.

 

O gráfico mostra a chuva acumulada e a média histórica de chuva de cada mês desde novembro de 2013 até abril de 2017, com dados do Instituto Nacional de Meteorologia da estação meteorológica de Santo Agostinho. O que realmente conta para recompor os reservatórios de água o abastecimento da população é a chuva de novembro a março. Os meses mais chuvosos são novembro, dezembro, janeiro e fevereiro.

 

Chuva ocorrida comparada com a média mensal em Belo Horizonte
de novembro de 2014 a abril de 2017

 

O único novembro com chuva acima da média desde 2013 foi o de 2016. O último dezembro com chuva volumosa sobre Belo Horizonte foi o de 2013. Apenas janeiro de 2016 teve chuva um pouco acima da média O único fevereiro que teve chuva acima da média foi o de 2015

 

Balanço de chuva em Belo Horizonte dos períodos de chuvosos de 2014 a 2017
 

 

Primavera 2017

O ano de 2017 até agora foi muito ruim de chuva para a Belo Horizonte. A primavera começa com uma deficiência de 70% de chuva em relação à média anual. Os quase 448 mm de chuva acumulados de 1 de janeiro até 18 de setembro correspondem a apenas 30% da média de chuva anual que é de aproximadamente 1460 mm.

A chance chuva na região de Belo Horizonte até o fim de setembro é baixa. Na projeção de médio prazo, a melhor condição de chuva atualmente seria para os primeiros dias de outubro. A primavera de 2017 poderá terminar com a influência da Zona de Convergência do Atlântico Sul, sistema que favorece chuva frequente para a maioria das áreas de Minas Gerais.

 

 

Foto: Frajos Guerpim, Belo Horizonte (MG)

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

14°
min

20°
max

8mm / 90%

Rio de Janeiro - RJ

15°
min

24°
max

5mm / 90%