ALERTA

1 notificações

Frente fria se afasta de SP

02/10/2017 às 19:14
por Josélia Pegorim

Atualizado 03/10/2017 às 08:10

Oferecimento
Confira os números dos temporais de 1 e 2 de outubro

As nuvens carregadas que provocaram chuva forte sobre São Paulo já saíram do estado. A tendência agora é diminuição das condições de chuva a partir desta terça-feira. As áreas de instabilidade vieram do Sul do Brasil e de Mato Grosso do Sul reforçadas por uma frente fria que avança pelo litoral do Sul e do Sudeste do Brasil.

 

Previsão para hoje(03)

Nesta terça-feira, a frente fria segue pelo litoral da Região Sudeste até a altura do Rio De Janeiro e do Espírito Santo. O ar polar que veio com esta frente fria entra em São Paulo e deixa a temperatura amena.

A parte mais intensa das áreas de instabilidade já se afastou, mas nesta terça-feira todo o estado de São Paulo ainda tem muitas nuvens. A Grande São Paulo e várias áreas do norte e do leste do estado e do litoral amanheceram com chuva fraca, mas o sol vai aparecer no decorrer do dia, sempre junto de muitas nuvens e não há mais condições para chuva. Nas outras regiões do estado também não chove mais, o sol aparece e a nebulosidade tende a diminuir no decorrer do dia.

 

Foto: Peter Gatz Birle, São Paulo/SP 

 

 

Semana com pouca chuva

A primeira semana de outubro começou com temporais, mas será marcada por sol e pouca chuva no estado de São Paulo. Mas o período seco será pequeno. Não há previsão de chuva para a quarta-feira, mas na quinta-feira, 4, algumas pancadas de chuva podem ocorrer no norte do estado. As condições para chuva aumentam mesmo só no sábado, 7 de outubro, quando deve voltar a chover também sobre a Grande São Paulo.

 

 

Chuva, raios, vento em SP - 1 e 2 de outubro

A tão esperada chuva chegou com força a São Paulo neste início de outubro. Mas veio com muitos raios, ventania e até granizo.

Choveu de forma generalizada, mas os maiores volumes acumulados foram observados no centro, oeste e noroeste do estado. Pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), o maior volume de chuva acumulado entre 17 horas do dia do dia 1 e outubro e 17 do dia 2 foi de 69,6 mm em Dracena, cidade na divisa com o Mato Grosso do Sul. Na capital, neste período, choveu 16,8 mm no Mirante de Santana, na zona norte paulistana.

A chuva veio com muitos raios e ventania nestas regiões. No período entre 21 horas do dia 1 de outubro de 17 horas do dia 2, a rede Earth Netwoks de detecção de descargas elétricas atmosféricas detectou 182 raios das nuvens para o solo sobre o município de Riolâdia. A cidade de São Paulo teve apenas 5 raios que chegaram ao solo.

A rajada de vento mais intensa medida pelo INMET, onde há instrumentos tecnicamente adequados para medições meteorológicas, foi de 83 km/h em Dracena, entre meia-noite e 1 hora da madrugada do dia 2 de outubro.

 

Confira mais dados sobre a chuva forte em São Paulo entre os dias 1 e 2 de outubro de 2017.

 

Maiores volumes de chuva em SP entre 1 e 2 de outubro de 2017

 

 

Chuva na cidade de São Paulo em 2/10/17 (CGE)

 

 

 

Quantidade de raios sobre SP entre 21h de 1/10/17 e 17h de 2/10/17

 

 

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

16°
min

22°
max

6mm / 90%

Rio de Janeiro - RJ

18°
min

26°
max

25mm / 90%