Chuva dá trégua ao Sul do Brasil

30/10/2017 às 18:29
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Outubro termina com chuva acima da média em quase toda a Região

Chuva muito forte e ventania voltaram a ocorrer sobre o Sul entre a noite do domingo, 29 e a manhã da segunda-feira, 30 de outubro. Paraná teve o maior número de eventos de tempo severo. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou uma rajada com 107 km/h em Nova Tebas, no Paraná, na madrugada do dia 30. Em Castro choveu quase 90 mm entre tarde do domingo e a meio da tarde da segunda-feira. As áreas de instabilidade se afastam da Região Sul nos próximos dias três dias, mas retornam com força no fim da semana trazendo mais chuva

 

 

Frente fria

Uma frente fria passa pelo litoral do Sul do Brasil nesta terça-feira, mas desta vez não terá grande impacto em relação à chuva. As áreas de instabilidade já mostravam grande enfraquecimento no fim da tarde da segunda-feira e devem perder ainda mais força nesta terça-feira, 31. Depois de castigar a Região Sul com sua chuva, outubro termina com sol e tempo seco em quase todo o Sul. Nestas terça-feira, a nebulosidade diminui e só há previsão de chuva fraca a moderada para o norte e leste do Paraná, para o Vale do Itajaí e para o litoral norte catarinense.

O sol vai predomina na quarta e também na quinta-feira, 2 de novembro, feriado pelo dia de Finados. Mas já durante a sexta-feira, 3, as áreas de instabilidade voltam a se espalhar sobre o Sul e pode chover forte. A chuva aumenta no fim de semana com a passagem de outra frente fria.

 

 

INstabilidadeafasta Sul 30-1-17

Nuvens carregadas se afastam do Sul do Brasil

 

Ventos

A frente fria que passa pelo litoral da Região Sul nesta terça não provoca chuva relevante. O maior efeito desta frente fria será de provocar ventos fortes no litoral. As rajadas mais intensas podem alcançar velocidades de 60 km/h até 80 km/h e podem ser sentidas em Florianópolis. Em Curitiba e em Porto Alegre, as rajadas de vento devem ser de no máximo 60 km/h

 

 

Chuva volumosa na Região Sul

Várias cidades do Paraná registraram mais de 80 mm no período de 24 horas. No período entre 15 horas do dia 29 até 15 horas do dia 30 de outubro, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 86,4 mm em Castro, 85,6 mm em Nova Tebas, 84,4 mm em Icaraíma e em Laranjeiras do Sul choveu 81,8 mm neste período.

 

Os temporais de outubro de 2017 castigaram o Sul do Brasil. O mês termina com chuva bastante acima da média em praticamente toda a Região. No mapa de anomalia de chuva, os tons de azul representam chuva acima da média. Do dia 1 até por volta das 17 horas do dia 30 de outubro, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou aproximadamente 567 mm em Dionísio Cerqueira (SC), o dobro da média para outubtro, 465 mm em Foz do Iguaçu (PR) e 395 mm em Frederico Westphalen.

 

 

Mapa de anomalia da chuva de outubro de 2017 na Região Sul. Os tons de azul representam cuva acima da média histórica.

 

 

Foto de Elenice Marmilicz, Guarani das Missões

 

 

#Fotografeotempo! A sua foto poderá ficar em destaque. Participe!

 

seu vídeo pode ser divulgado no nosso canal do Youtube, no site e nas redes sociais. É só gravar a condição do tempo e mandar para o nosso Whatsapp: 11 9 9420-7548.

 

Notícias - informações importantes do tempo e do clima

 

Agroclima Pro: produtividade e redução de custos para o seu negócio

 

 

CIDADES RELACIONADAS

Florianópolis - SC

14°
min

19°
max

10mm / 90%

Porto Alegre - RS

12°
min

16°
max

5mm / 90%