Chuva no Sul do Brasil ainda preocupa nos próximos dias

18/01/2018 às 22:31
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Há risco de temporais nesta sexta-feira e no fim de semana

Mesmo com previsão de horas com sol e nuvens, mas sem chuva em grande parte do Sul do Brasil, a sexta-feira ainda é de alerta para temporais nos três estados. Faz calor e a sensação de abafamento é grande em toda a Região, independente de estar chovendo ou não. As nuvens carregadas voltam a crescer com o aquecimento e a umidade do ar elevada e as pancadas de chuva retornam com força à tarde e à noite. Só não deve chover no centro-sul e no leste do Rio Grande do Sul, incluindo a Grande Porto Alegre.

 

 

Há risco de chuva forte, com raios e fortes rajadas de vento, entre 60 km/h e 90 km/h, em todos os estados, mas as pancadas de chuva mais volumosas e preocupantes devem ocorrer em áreas do Paraná, do oeste, norte e nordeste de Santa Catarina.

Regiões que já tiveram muita chuva e foram alagadas nos últimos 10 dias, como o litoral norte de Santa Catarina, áreas no Vale do Itajaí e o litoral do Paraná podem voltar a ter chuva volumosa.

Para Curitiba e Florianópolis também há previsão de mais chuva, mas que não deve ser tão forte e violenta como na semana passada.

 

 

Foto de Vania, Maria Helena (PR): nuvens de tempestade se aproximam na noite de 18/01/18

 

 

La Aripuca: salvando a mata em Puerto Iguazú, o lado argentino de Foz do Iguaçu

 

Fim de semana

O Sul do Brasil terá sol, calor e mais temporais no fim de semana. O sábado terá várias horas com sol forte. As áreas de instabilidade crescem durante a tarde espalhando pancadas de chuva que podem ser fortes por quase toda a Região. A chuva se prolonga pela noite. Pode chover também pela manhã no leste o Paraná.

Para o domingo, a previsão é de mais áreas de instabilidade já atuem desde cedo. Muitas áreas da Região Sul passam o domingo com muitas nuvens, chuva que pode ser forte e períodos de melhoria.

 

A população do oeste do Rio Grande do Sul deve ficar atenta para muita chuva na próxima semana.

 

Grandes volumes de chuva

Nuvens negras voltaram a se espalhar sobre os três estados da Região Sul do Brasil provocando mais temporais na tarde e noite da quinta-feira, 18 de janeiro. Um dos locais onde mais choveu no Sul do Brasil, e em todo o país, foi na região de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. Em apenas 6 horas de chuva, entre 13 horas e 19 horas foram acumulados 66,2 mm, pela medição do INMET - Instituto Nacional de Meteorologia. No mesmo período as regiões de Cascavel, Juaguapitã e Apucarana acumularam de 25 mm a 45 mm segundo o CEMADEN - Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais.

 

Foz do Iguaçu acumulou cerca de 1200 mm desde outubro. Veja como ficaram as cataratas com tanta chuva. É impressionante!

 

 

As fortes pancadas de chuva também ocorreram em áreas do Rio Grande do Sul de Santa Catarina. Em Serafina Correa (RS), foram quase 26 mm em 1 hora de chuva e em Palmeira das Missões (RS) choveu cerca de 30 mm no começo da noite.

Chuvas muito mais volumosas ocorreram no Sul do Brasil nos últimos 15 dias e por isso grande parte do Paraná e de Santa Catarina já acumulou de 100 a 200 mm de chuva. Em alguns locais do leste catarinense e do oeste do Paraná, o total de chuva supera 250mm. Em Florianópolis, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia já choveu cerca de 260 mm. Em Planalto, no oeste do Paraná, o acumulado chegava aos 330 mm no dia 18 de janeiro.

 

 

CIDADES RELACIONADAS

Florianópolis - SC

12°
min

16°
max

3mm / 40%

Porto Alegre - RS


min

15°
max

0mm / 0%