Média das mínimas de março em São Paulo foi a maior em 76 anos

02/04/2018 às 21:34
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Chuva e média de temperatura máxima de março de 2018 também ficaram acima da média histórica

Reclamações sobre o calor foram frequentes durante o mês de março de 2018 na cidade de São Paulo. A sensação de abafamento foi sentida dia e à noite. O balanço final das temperaturas de março feito pelo Instituto Nacional de Meteorologia mostrou que capital paulista teve as madrugadas mais quentes para março em 76 anos!

 

 

O calor e o abafamento constante são explicados pela falta de ar polar sobre a cidade de São Paulo. As poucas frentes frias que passaram pelo litoral paulista estimularam o aumento da umidade e da chuva, mas o ar polar destas frentes frias praticamente não chegou ao estado de São Paulo.

 

 

Acima de 20°C

A temperatura mínima registrada pelo INMET na estação meteorológica do Mirante de Santana ficou acima dos 20,0°C em quase todos os dias durante o mês de março. Foram 11 dias com mínimas abaixo dos 20,0°C, sendo cinco nos últimos cinco dias o mês, e 20 dias com mínimas igual ou maiores do que 20,0°C. Mas só baixou de 19,0°C uma vez, no dia 27 de março, quando a temperatura mínima foi de 18,3°C, a menor do mês. No dia 20 de março, a mínima foi de 22,8°C, a maior do ano de 2018 até agora.

 

 

Maiores médias de temperatura mínima para março em São Paulo

 

Calor bateu recorde histórico para março

A média das temperaturas mínimas registradas no Mirante de Santana durante o mês de março de 2018 foi de 20,3°C e ficou 1,5°C acima média histórica (período de 1981 a 2010) que é de 18,8°C. O valor de 20,3°C é o novo recorde histórico de média das mínimas para março. O recorde anterior era de 20,0°C no ano de 2009.

 

Tardes mais quentes do que o normal

O mês de março normalmente é quente na cidade de São Paulo, mas em 2018 as médias das temperaturas mínimas e máximas ficaram mais de 1,0°C acima dos valores de referência Climatológica.

A média das temperaturas máximas foi de 29,6°C, 1,6°C acima da média histórica de máxima para março que é de 28,0°C, considerando as novas referências climatológicas calculadas pelo INMET para o período de 1991 a 2010. A média das máximas de março de 2018 foi a maior em 11 anos, desde os 30,7°C registrados em 2007, que é o recorde histórico, e a quinta maior da série histórica de medições que começou em 1943.

A maior temperatura de março de 2018 foi de 33,5°C, no dia 14.

 

 

Maiores médias de temperatura máxima para março em São Paulo

 

 

Chuva acima da média

A chuva voltou a cair com regularidade sobre São Paulo em março de 2018 e a cidade sofreu com vários temporais. Pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia no Mirante de Santana, na zona norte da cidade, o acumulado mensal de chuva foi de 220,5 mm, pouco acima da média histórica (1981 a 2010) para março que é de 214,5 mm.

Ao longo do mês foram 16 dias com chuva, acima da média de 15 dias de chuva para março. Foi um grande contraste com a secura de fevereiro, que teve apenas oito dias com ocorrência de chuva.

 

 

Foto de Matheus Magalhães, São Paulo (SP)

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

15°
min

30°
max

0mm / 0%