Estado de São Paulo terá semana seca e quente

23/04/2018 às 17:05
por Maria Clara Machado

Oferecimento
Uma massa de ar seco ainda afasta a chuva e qualidade do ar pode piorar.

O estado de São Paulo vai enfrentar mais uma semana com baixa possibilidade de chuva. Uma massa de ar seco continua impedindo a formação de nuvens carregadas, e nesta situação, a concentração de poluição começa a aumentar e a qualidade do ar tende a ficar prejudicada

 

A Grande São Paulo pode começar a terça-feira (24) com um pouco de névoa, mas depois o sol predomina com alguma nebulosidade. A chance de chuva continua baixa. Os níveis de umidade relativa do ar estão em queda e poderão ficar entre 40% e 30% no período da tarde. A madrugada ainda será amena, mas a tendência é de elevação de temperatura durante à tarde. A sensação da grande maioria já será de um pouco de calor. A temperatura máxima deve ficar próxima dos 27°C. 

 

Acompanhe as temperaturas para a cidade de São Paulo nos próximos dias. 

 

Grande SP mais seca 

A última chuva expressiva que caiu na capita paulista foi no dia 16 de abril, quando choveu 13,8 mm na estação do Mirante de Santana, na zona norte, pelo Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). Esta última semana de abril deve seguir com o tempo seco e mais quente e possivelmente a capital vai completar a segunda quinzena do mês sem chuva.

 

A consequência imediata será uma piora na qualidade do ar de toda a região metropolitana. Desde da última sexta-feira (20), algumas estações medidoras da CETESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) já vêm registrando qualidade do ar moderada. 

 

Foto: Maria Clarete Rosa Borges. Severínia/SP

 

Umidade baixa deixa SP em atenção 

Os problemas de saúde decorrentes do tempo seco também poderão se agravar esta semana, especialmente para os moradores do interior de São Paulo Os níveis de umidade relativa do ar tendem a baixar nos próximos dias, ficando entre 30% e 20%. Na tarde desta segunda-feira (23), Pirassununga registrou umidade de 25% e temperatura de 30°C no aeroporto local. Em Ibitinga, o índice de umidade caiu para 30% pelo INMET. 

 

Localidades do leste do estado e a Grande São Paulo deverão sentir a maior queda nos níveis umidade a partir de quarta-feira (25). 

 

Confira: 

Quando o frio do outono vai chegar?

 

 

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

16°
min

30°
max

4mm / 90%