SP tem chuva, ventania e frio nos próximos dias

18/05/2018 às 18:10
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Ar polar chega forte durante o domingo e temperatura cai muito. A próxima semana começa gelada, com temperatura abaixo dos 10°C e pode gear.

Uma forte e grande frente fria vai passar sobre São Paulo neste fim de semana e provoca uma virada radical no tempo. Depois da chuva, que pode ser forte, a temperatura cai muito em todas as regiões paulistas. Pela primeira vez este ano, o termômetro pode marcar 10°C ou menos na cidade de São Paulo. O frio de menos de 10°C poderá ser sentido em todo estado. O litoral pode ter ressaca na próxima semana e algumas áreas no interior podem até ter geada.

 

Sábado com chuva

Praticamente toda a chuva desta frente fria deve ocorrer no sábado, 19 de maio. Pode chover e ventar forte em todas as regiões do estado. As rajadas de vento mais intensas devem ficar entre 60 km/h e 80 km/h.

A chuva já começa pela manhã, inclusive na região da Grande São Paulo. De forma geral, a tarde do sábado deve ser nublada, com chuva e temperatura amena no estado de São Paulo. A chuva vai parando durante a noite, mas a sensação de frio vai aumentando com o vento frio, de origem polar, que se espalha pelo estado.

 

São Paulo seca

Faz mais ou menos 1 mês que a cidade de São Paulo não tem uma chuva generalizada, para molhar as ruas. Segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia, a última vez que isto ocorreu foi entre os dias 15 e 16 de abril, quando choveu 13,8 mm no Mirante de Santana. Em 48 dias, do dia 1 de abril até 9 horas do dia 18 de maio, o INMET registrou alguma chuva no Mirante em apenas 5 dias, todos em abril, que deu um acumulado de 28,0 mm.

Esta semana tivemos alguma chuva pela cidade, mas foram em poucas áreas, rápidas, e não foram caíram no Mirante de Santana.

 

Domingo frio

Durante o domingo, a massa de ar frio de origem polar desta frente fria entra com força sobre São Paulo. As nuvens carregadas já estarão fora do estado e o sol volta a predominar, mas a temperatura cai muito. A sensação será de frio o dia todo no estado, mesmo com a presença do sol. O vento diminui na Grande São Paulo e pelo interior, mas ainda podem ocorrer rajadas com até 60 km/h. O litoral ainda pode ter ventos moderados a fortes durante o domingo. Veja como fica a previsão para SP nos próximos dias.

 

 

Foto de Sandra Regina Cappovilla, Campinas (SP)

 

Dias frios

Os paulistas sentiram calor na tarde da sexta-feira, com temperatura de quase 28°C até na cidade de São Paulo. Mas a tarde de sábado já será com sensação de frio e no domingo, os paulistas vão sentir frio o dia todo (não confie no sol que aparecer). Não tem chuva, mas tem o ar gelado.

Nos dias 21 e 22 de maio, segunda e terça-feira, praticamente todo estado de São Paulo deve amanhecer com temperatura abaixo dos 10°C, incluindo a capital. Até mesmo o litoral deve ter temperaturas em torno dos 10°C. Estes dois dias devem ser os mais frios do ano, até agora, na cidade de São Paulo e na maioria das regiões paulistas. Vai ser o primeiro frio intenso do outono-inverno, até agora, e muita gente vai ter dificuldade para sair da cama para trabalhar ou ir para a escola.

 

A partir de quarta-feira, 23 de maio, a sensação de frio diminui à tarde, mas continua à noite e ao amanhecer. Outra massa de ar polar forte vai influenciar São Paulo no fim da próxima semana.

 

Geada

O frio será intenso ao amanhecer dos dias 21 e 22 de maio em todo o estado de São Paulo. O sul do estado e a serra da Mantiqueira devem registrar temperaturas iguais e abaixo de 5,0°C e por isso não se pode descartar a chance de gear. A geada que ocorrer deve ser de fraca intensidade, mas o resfriamento acentuado será prejudicial para os bananais do Vale do Ribeira.

 

Frio abaixo dos 10°C em São Paulo

Na cidade de São Paulo, a temperatura na madrugada e amanhecer da segunda e terça-feira, 21 e 22 de maio, deve ficar abaixo dos 10°C.

Pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia, até o dia 18 de maio, a menor temperatura na cidade de São Paulo foi de 13,8°C, no dia 21 de abril. Este recorde pode ser batido já no domingo, 20 de maio.

A última vez que o termômetro atingiu o dígito de 10°C na capital foi em 7 de agosto de 2017, com a marca de 10,3°C. A menor temperatura em 2017 foi de 7,9°C, em 18 e 19 de julho.

Se considerarmos só o mês de maio, a última vez que a temperatura atingiu a marca de  10°C ou menos na cidade de São Paulo foi em 24 de maio de 2016, quando a mínima foi de 9,5°C. Em maio de 2017, a menor temperatura registrada pelo Instituto Nacional de Meteorologia em São Paulo foi de 13,4°C.

 

Ressaca

Um ciclone extratropical se forma no litoral da Região Sul e entre o domingo, 20, e a terça-feira, 22, vai provocar vento forte no mar, entre o Rio Grande do Sul e o Rio De Janeiro. Isto vai deixar o mar bastante agitado também no litoral de São Paulo. A agitação marítima começa a aumentar no domingo. Na segunda, 21, e na terça-feira, 22 de maio, há risco de ressaca, com ondas 2,0 a 3,0 metros.

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

11°
min

18°
max

2mm / 40%

Rio de Janeiro - RJ

17°
min

23°
max

10mm / 90%