Chuva não dá trégua ao Mato Grosso do Sul

10/10/2018 às 13:46
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Total de chuva em outubro está muito perto da média normal em áreas do sul do estado e tem previsão de chuva para os próximos dias

A chuva cai forte sobre o sul e o leste de Mato Grosso do Sul desde o começo de outubro. Em vários locais destas regiões, o volume de chuva acumulado do início do mês até o começo da manhã do dia 10 já superava os 100 mm e até 200 mm.

Pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), o estado de Mato Grosso do Sul foi a região do país que recebeu a chuva mais volumosa entre a manhã do dia 9 e a manhã de 10 de outubro. Na capital, Campo Grande, o tempo estava muito instável no fim da manhã da quarta-feira, com chuva, trovões e rajadas de vento de quase 60 km/h.

 


A tabela mostra os 10 maiores volumes de chuva registrados pelo INMET no Brasil, entre 9 horas do dia 9 e 9 horas de 10 de outubro de 2018, pelo horário de Brasília

 

10 maiores volumes de chuva no BR

acumulação entre 9h de 9/10/18 até 9h de 10/10/18 (Brasília)

Fonte: INMET

Cidade

UF

Chuva 24h (mm)

Sete Quedas

MS

88,8

Juti

MS

76,4

Bataguassu

MS

72,2

Sorocaba

SP

58,4

São Mateus do Sul

PR

54,2

Vacaria

RS

53,6

Joaçaba

SC

53,4

Passo Fundo

RS

52,2

Ivinhema

MS

51,0

Itaquiraí

MS

51,0

 

Mais chuva em MS

A chuva não dará trégua nos próximos dias para o Mato Grosso do Sul. Pelo menos até o domingo, 14 de outubro, várias áreas de instabilidade vão passar pelo estado espalhando nuvens carregadas, que vão provocar muitas pancadas de chuva.

Embora haja condições para chuva moderada a forte em todas as regiões do estado, inclusive em Campo Grande, o sul e o leste de Mato Grosso do Sul vão continuar tendo chuva mais persistente e volumosa do que as outras regiões do estado.

 

 

Foto de Luis Fernando, Bataguassu (MS)

 

Pouca chuva em GO e DF

Entre esta quinta-feira,11, e o domingo, 14 de de outubro, os estados de Mato Grosso, de Goiás e o Distrito Federal terão várias horas com sol forte e bastante calor. As pancadas de chuva são mais prováveis no sul de Goiás e em Mato Grosso, podendo ser moderadas a fortes. Porém, as pancadas não serão em amplas regiões e nem tão frequentes e volumosas como ocorre em Mato Grosso do Sul. Veja como fica a previsão para o Centro-Oeste.

 

Chuva acima da média

Em algumas áreas, a chuva de outubro já superou ou está muito próxima da média normal para o mês. O mapa mostra a média de precipitação normal para outubro no Brasil, calculada pelo INMET para o período de 1981 a 2010.


Em Caarapó, onde o Instituto Nacional de Meteorologia registrava aproximadamente 280 mm de chuva acumulados em outubro, até o começo da manhã do dia 10. Em Ponta Porã já choveu cerca de 160 mm e Dourados acumulou 95 mm.

Veja quanto já choveu em alguns locais do sul e leste de Mato Grosso do Sul (valores aproximados de 1 de outubro até o começo da manhã do dia 10, de acordo com o site do INMET)



Cidade

Chuva de 1 a 10 de outubro (mm)

Sete Quedas

150

Juti

230

Bataguassu

160

Ponta Porã

160

Caarapó

280

Laguna Carapã

170

Iguatemi

130

Nova Andradina

120

Ivinhema

100

Itaquiraí

160

Fátima do Sul

150

Dourados

95

Ivinhema

100

Itaporã

110

Santa Rita do Rio Pardo

165

 

As áreas ao centro, norte e oeste do estado, incluindo a capital, Campo Grande, têm tido pancadas de chuva, mas que não estão sendo frequentes e nem volumosas como no sul e leste.


CIDADES RELACIONADAS

Laguna - SC

21°
min

32°
max

4mm / 80%

Passo Fundo - RS

20°
min

31°
max

10mm / 80%

FASES DA LUA

  • Cheia
    22/12
  • Minguante
    29/12
  • Nova
    07/12
  • Crescente
    15/12

ESTAÇÕES DO ANO

  • Primavera
    22/09
  • Verão
    21/12
  • Outono
    20/03
  • Inverno
    21/06