São Paulo pode ter recorde de calor hoje mais uma vez

31/01/2019 às 11:46
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Será que janeiro de 2019 vai igualar ou superar o recorde de mês mais quente já registrado na capital paulista em 76 anos? Confira as projeções detalhadas.

O calorão de janeiro de 2019 é histórico em São Paulo. A capital paulista pode bater recorde de calor hoje novamente, pelo segundo dia consecutivo. Janeiro de 2019 poderá empatar com janeiro de 2014, que tem a maior média de temperatura máxima em 76 anos de medições do INMET na estação meteorológica do Mirante de Santana, na zona norte da cidade de São Paulo.

 

 

A tarde de ontem, 30 de janeiro, foi a mais quente de 2019 até agora em São Paulo. A temperatura máxima registrada pelo Instituto Nacional de Meteorologia foi de 35,1°C, no modo convencional. O recorde anterior era de 34,4°C no dia 9 de janeiro.

 

A medição automática de ontem havia indicado máxima de 35,5°C. Porém, para a contabilidade de recordes a Climatempo adota os dados da estação meteorológica convencional que tem a série de medições mais longa, desde 1943. A estação meteorológica automática opera desde 25/7/2006.

 

Um novo recorde de calor para 2019 em São Paulo é possível nesta quinta-feira, 31 de janeiro, com a previsão de temperatura máxima na casa dos 35°C. Se a máxima oficial for 35,1°C, iguala o recorde ontem, mas se der 35,2°C ou qualquer valor acima de 35,1°C, o novo recorde estará estabelecido.

 

Mês mais quente em 76 anos?

Será que janeiro de 2019 vai ser o mês mais quente em São Paulo em 76 anos? O recorde atual de maior média de temperatura máxima no Mirante de Santana é de 31,9°C, em janeiro de 2019. 

A média atual das temperaturas máximas registradas pelo Instituto Nacional de Meteorologia na estação meteorológica convencional está em 31,8°C, com dados de a 1 a 30 de janeiro.

 

A dúvida vai persistir ainda por várias horas calorentas, pelo menos até o fim  da noite desta quinta-feira, 31 de janeiro. Ou só saberemos na manhã desta próxima sexta-feira 1 de fevereiro.

 

Projeções

A média das temperaturas máximas de janeiro de 2019 igualará a de janeiro de 2014 se a temperatura máxima do dia 31/1/2019 for igual ou maior do que 34,3°C.

Para superar a média de máxima de de 31,9°C de janeiro de 2014, a temperatura máxima desta quinta-feira, 31, terá que ser igual ou maior do que 37,4°C, mas este valor é muito pouco provável de acontecer.

Qualquer valor de temperatura máxima hoje entre 31,2°C e 34,2°C vai fazer com a média das temperaturas máximas de janeiro de 2019 seja de 31,8°C. Neste caso, janeiro de 2019 empataria com fevereiro de 2014 e seria o segundo mês mais quente na cidade de São Paulo desde 1943.

Se a temperatura máxima de hoje no Mirante de Santana ficar em torno dos 31°C, o que é praticamente impossível, janeiro de 2019 seria o terceiro mês mais quente em 76 anos igualando fevereiro de 1984

 

Confira as 5 médias de temperatura máxima de 1943 a 2019 no Mirante de Santana

31,9 °C - Jan/2014

31,8 °C - Fev/2014

31,8°C - Jan/2019 (até dia 30, sujeito a correção para mais ou para menos)

31,7 °C - Fev/1984

31,6 °C - Fev/2003

31,5 °C - Jan/2015

 

 

Foto: Philippe Peinhopf de Paula. São Paulo/SP.

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

12°
min

27°
max

0mm / 0%