Balanço da chuva em SP em 9/1/2020

10/01/2020 às 00:05
por Josélia Pegorim

Oferecimento
São José do Rio Preto teve quase 90 mm de chuva em 6 horas. Córrego transbordou novamente na zona norte da capital.

Áreas de instabilidade persistiram sobre São Paulo e voltou a chover em praticamente todo o estado no dia 9 de janeiro de 2020. Na Grande São Paulo, a chuva foi generalizada na madrugada. À tarde, voltou a chover em alguns locais, mas com curta duração.

 

Na cidade de São Paulo, embora não tenha chovido de forma generalizada à tarde,choveu com moderada a forte intensidade em áreas das zonas sul e norte. O córrego Tremembé voltou a transbordar na zona norte da capital.




Chuva volumosa no interior de SP

A chuva mais forte e volumosa no dia 9 de janeiro de 2020 ocorreu no interior do estado de São Paulo, especialmente no oeste e o norte do estado. As áreas de instabilidade se intensificaram à tarde e persistiram durante a noite.

 

Confira alguns acumulados de chuva elevados registrados pelo CEMADEN – Centro Nacional de Monitoramento e Desastres Naturais - em 6 horas,  entre 16h30 e 22h30 de 9/1/2020

 

São José do Rio Preto: 83,6 mm

Águas de Lindóia: 50,8 mm

Jaú: 45,4 mm

Jundiaí: 34,8 mm

Itapetininga: 34,4 mm

Torre de Pedra: 33,8 mm

Guarulhos: 33,2 mm

Artur Nogueira: 32,0 mm

 

Também em 6 horas, entre 14 horas e 20 horas, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 44,8 mm em São Miguel Arcanjo, 42,0 mm em Pradópolis. Em Dracena choveu 32,6 mm em 1 hora.

 

 

Balanço da chuva de 9/1/2020 na cidade de São Paulo

Segundo o CGE, os estados de alerta e atenção na cidade de São Paulo terminaram às 19h52

 

 

Alagamentos

Às 22h25, o CGE contabilizava 45 alagamentos da cidade de São Paulo, mas nenhum estava ativo. 

 

 

Transbordamento de rios

Córrego Tremembé transbordou na zona norte da cidade de São Paulo, na altura da rua Francisco Inglês, das 18h56 às 19h52.

 

 

Raios

A rede Earth Networks de detecção de descargas elétricas atmosféricas (DEA) registrou 1360 DEAs sobre São Paulo entre a meia-noite e 22h30 de 9/1/2020. Deste total, 1161 foram DEAs entre nuvens e 199 foram raios que chegaram ao solo. 

A maior atividade elétrica ocorreu entre 18 horas e 19 horas, quando foram observados 1173 DEAs, considerando as descargas entre as nuvens e as chegaram ao solo.

 

 

 

Foto de Rogerio Racy, São Paulo (SP)

 

 

 

Rajadas de vento

Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos: 51 km/h às 19h e 61 km/h às 19h18

Mirante de Santana (INMET): 32 km/h, às 18h

 

 

Maiores índices registrados pela rede telemétrica do Alto Tietê:

 

Parque da Aclimação: 19,4 mm

Rio Pinheiros - Superior - Usina Elevatória Traição: 16,4 mm

Córrego Ipiranga - Rua Coronel Diogo: 14,8 mm

 

Maiores índices registrados pelas estações meteorológicas automáticas do CGE

Parelheiros: 19,5 mm

Vila Mariana: 17,2 mm

Tremembé: 11,2 mm

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

19°
min

26°
max

30mm / 90%