Temperatura sobe em São Paulo até o fim da semana

15/06/2020 às 22:51
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Ar seco predomina em SP na última semana do outono.

O ar vai ficando mais quente e seco Sobre Todo o estado de São Paulo até ao final desta semana.  o ou vai com noites amenas e tardes quentes e secas também na região da cidade de São Paulo.

 

Vento marítimo

Nesta terça-feira, 16 de junho,  o vento marítimo ainda joga umidade sobre o leste do estado de São Paulo facilitando a formação das nuvens na região.  A Grande São Paulo,  o litoral,  o Vale do Paraíba  e o Vale do Ribeira podem amanhecer com névoa e muita nebulosidade,  mas ao longo da manhã o sol vai aparecendo,  não há expectativa de chuva.

 

O ar seco predomina pelo interior do estado de São Paulo. Todo o interior paulista tem uma terça-feira com muito sol,   poucas nuvens e sem condições para chuva.  o dia amanhece com temperatura amena,  mas o ar esquenta rapidamente e à tarde é quente e seca . Vários locais no oeste norte do estado de São Paulo podem registrar níveis de umidade relativa do ar entre 20 e 30%, que são abaixo do recomendado pela Organização Mundial da Saúde para o conforto e saúde humana.

 

 

 

Foto de Francesco Rey Mauro, Santo André (SP)

 

 Como está #otempodajanela aí? Participe!

 

Semana seca

A última semana do outono segue com a seco no estado de São Paulo. O sol  predomina e não há condições para chuva . A temperatura se eleva gradualmente até o final da semana.  Embora as noites continuam amenas, mas as tardes ficam mais quentes e secas.

No sábado, 20 de junho, quando acontece a virada para o inverno,  uma frente fria vai chegar ao litoral paulista,  mas por enquanto não há expectativa de chuva. 

 

O inverno 2020 começa em 20 de junho, às 18h44 e vai até 22 de setembro, às 10h31.

 

E se causa do aquecimento global fosse o Sol e não o homem?

 

Calor de junho em São Paulo

A temperatura máxima de 28,5°C do sábado, 13 de junho, ficou entre as 10 maiores já registradas para um dia de junho na cidade de São Paulo, desde 1943 quando começaram as medições no Mirante. Pela medição do INMET - Instituto Nacional de Meteorologia - , a tarde de 13/6/2020 foi a sexta mais quente para junho, empatando com os anos de 1961 e 2018. A maior temperatura em junho no Mirante desde 1943 foi de 28,8°C, em 1992.

 

 

Como funcionam os modelos de previsão numérica do tempo?

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

11°
min

25°
max

0mm / 0%