Marte se esconde atrás da Lua no fim de semana

04/09/2020 às 07:11
por Redação

Atualizado 04/09/2020 às 09:46

Oferecimento
Brasil é local privilegiado para apreciar a ocultação do planeta vermelho pela Lua. Confira a tabela exclusiva com o horário de observação nas capitais.

Durante as noites de setembro o planeta Marte pode ser facilmente observado a olho nu, mesmo nas grandes cidades com poluição luminosa. Na virada de 05 (sábado) para 06 (domingo) de setembro de 2020, grande parte do Brasil poderá observar com telescópio a ocultação de Marte pela Lua

 

Parte deste evento astronômico poderá ser acompanhada a olho nu, mesmo nas cidades sem poluição luminosa. Porém, o momento mais especial deste evento astronômico, a ocultação de Marte pela Lua, só poderá ser observada com telescópio, porque nosso satélite natural estará com 86% do seu disco iluminado. 

 

Este ano, o Brasil será um local privilegiado para apreciar o esconde-esconde entre a Lua e o planeta vermelho. O tempo vai ajudar, já que a grande massa de ar seco que está sobre o Brasil deixa quase todo o país com tempo firme, com pouca nebulosidade. A condição de ar bastante seco também é um fator que colabora para a observação astronômica.

 

O próximo evento como este visível no Brasil será só em 2023, mas a visibilidade não será tão boa como este ano. O show do céu é para todos! Aproveite!

 

Confira agora todas as orientações do professor e astrônomo Marcos Calil para ver a ocultação de Marte pela Lua.  Ele vai fazer uma live para mostrar todo o evento!

 

Quem poderá observar?

No Brasil, somente o sul do estado do Rio Grande do Sul e a faixa litorânea de Santa Catarina não poderão observar esse belo evento. No restante do país todos poderão contemplar esse fenômeno astronômico, desde que munidos de um telescópio. Binóculo não é uma boa pedida.

 

O mapa mostra as áreas no Brasil onde será possível acompanhar a ocultação de Marte pela Lua, com telescópio (evento completo) e a olho nu (visão parcial). Entre as capitais, apenas Porto Alegre e Florianópolis não poderão ver o evento.

 

 

Faixa de visibilidade da ocultação de Marte pela Lua entre 5 e 6 de setembro de 2020

 

 

Para onde apontar o telescópio?

Cerca de uma hora antes da ocultação de Marte, esse belo planeta de cor avermelhada poderá ser observado facilmente a olho nu, mesmo nas cidades com poluição luminosa. Seu brilho aparente, chamado de magnitude, será cada vez mais ofuscado à medida que se aproxima da Lua. Até que, num determinado momento que antecede a ocultação, a observação a olho nu será impossível de ser realizada. Daí a necessidade de ter um telescópio para contemplação do evento. 

 

Para quem possui telescópio é importante manter seu instrumento óptico no planeta Marte. Ou seja, não é aconselhado direcionar o telescópio para a Lua, pois saber o exato local que Marte irá ser ocultado, depende de cada latitude e longitude que o observador estiver. Desta forma, é muito mais simples deixar o telescópio “apontado” para Marte e “seguir” este planeta cerca de uma hora antes do início da ocultação. 

 

Após a ocultação de Marte pela Lua, ou seja, o momento chamado de imersão, vale deixar o telescópio acompanhando o planeta Marte, pois o final do evento é marcado pela emersão, ou seja, momento que o planeta Marte reaparece. Novamente, esse exato instante que o planeta Marte reaparece, só poderá ser contemplado com o auxílio de um telescópio. À partir de então, com o avançar dos minutos, a observação a olho nu começa a ser cada vez mais fácil de ser realizada, até quando Marte estará relativamente afastado da Lua, a contemplação a olho nu de Marte volta a ser totalmente possível de ser realizada, mesmo para quem estiver nas cidades com poluição luminosa.

 

 

Ocultação de Marte pela Lua (Foto: Marcos Calil)

 

 

Horários da imersão e da emersão

Como os horários para contemplar a imersão e emersão variam muito de local para local, a tabela abaixo apresenta o início da imersão e o início da emersão para as capitais do Brasil e o Distrito Federal. Vale saber que imersão é o momento que Marte será ocultado pela Lua e emersão é o momento que Marte reaparece “por trás” da Lua.

 

 

CAPITAL

INÍCIO DA IMERSÃO

Data – Hora, minuto e segundos

(Fuso horário local)

INÍCIO DA EMERSÃO

Data – Hora, minuto e segundos

(Fuso horário local)

Rio Branco

05/09/20 – 21:36:06

05/09/20 – 22:42:21

Maceió

06/09/20 – 00:16:29

06/09/20 – 00:33:09

Macapá

06/09/20 – 00:05:17

06/09/20 – 01:22:46

Manaus

05/09/20 – 22:53:12

05/09/20 – 23:57:18

Salvador

06/09/20 – 00:08:47

06/09/20 – 01:19:28

Fortaleza

06/09/20 – 00:13:51

06/09/20 – 01:47:21

Brasília

05/09/20 – 23:47:51

06/09/20 – 01:03:40

Vitória

06/09/20 – 00:15:05

06/09/20 – 00:15:12

Goiânia

05/09/20 – 23:45:43

06/09/20 – 01:00:12

São Luís

06/09/20 – 00:08:51

06/09/20 – 01:40:19

Cuiabá

05/09/20 – 22:36:56

05/09/20 – 23:53:43

Campo Grande

05/09/20 – 22:38:56

05/09/20 – 23:47:06

Belo Horizonte

06/09/20 – 00:00:06

06/09/20 – 00:52:06

Belém

06/09/20 – 00:03:33

06/09/20 – 01:28:35

João Pessoa

06/09/20 – 00:19:42

06/09/20 – 01:42:49

Curitiba

05/09/20 – 23:58:49

06/09/20 – 00:29:36

Recife

06/09/20 – 00:19:19

06/09/20 – 01:39:33

Teresina

06/09/20 – 00:04:08

06/09/20 – 01:35:53

Rio de Janeiro

06/09/20 – 00:13:14

06/09/20 – 00:32:01

Natal

06/09/20 – 00:19:30

06/09/20 – 01:46:46

Porto Alegre

--

--

Porto Velho

05/09/20 – 22:39:18

05/09/20 – 23:48:53

Boa Vista

05/09/20 – 23:16:30

05/09/20 – 23:47:28

Florianópolis

--

--

São Paulo

06/09/20 – 00:00:47

06/09/20 – 00:36:47

Aracaju

06/09/20 – 00:12:29

06/09/20 – 01:27:44

Palmas

05/09/20 – 23:49:46

06/09/20 – 01:15:26

Tabela 1. Horários da imersão e emersão para as capitais e Distrito Federal. 

 

De acordo com a tabela 1, as cidades de Florianópolis e Porto Alegre não poderão observar a ocultação de Marte pela Lua. Porém, será possível observar a menor separação angular entre Marte e Lua. Assim sendo, para os observadores localizados nas capitais ou nas cidades próximas que não estão dentro da faixa de observação da ocultação, a observação de Marte estando quase que tangente a borda lunar irá ocorrer à 00:15:27 para Florianópolis, com separação angular de 0o 0’ 56’’ e, à 00:10:52, com separação angular de 00 1’ 50’’.

 

Orientação para observar fora das capitais

Nas demais cidades do Brasil é interessante tomar como base o horário da capital do estado que o observador estiver localizado e antecipar sua observação cerca de 1 hora antes do evento quer esteja com ou sem telescópio. Assim, por exemplo, para quem está localizado no estado do Rio De Janeiro, porém mora na cidade de Barra do Piraí, deverá iniciar sua observação, aproximadamente, às 23:13 de 05 de setembro. Assim, como a imersão para essa cidade iniciará à 00:07:41 de 06 de setembro, o observador terá tempo suficiente para se preparar e não perder esse belo espetáculo.

 

Por outro lado, no momento da emersão, ou seja, momento quando Marte irá reaparecer, para quem estiver sem telescópio e numa cidade que não seja a capital, vale observar a Lua cerca de 10 minutos antes do horário programado da capital do seu estado. Assim, por exemplo, se o observador mora na cidade de Praia Grande, localizada no estado de São Paulo, como Marte irá reaparecer à 00:36:47 (tabela 1, horário para a cidade de São Paulo), vale retomar a observação, por volta da 00:26. Deste momento em diante, apesar de Marte iniciar a emersão à 00:36:47, a observação a olho nu só poderá ser percebida minutos após esse horário. Vale a “brincadeira” de tentar encontrar Marte o quanto antes!

 

Para quem tem telescópio, no momento da emersão, vale ficar atento cerca de 20 minutos antes do horário marcado para sua capital. 

 

Live com o professor Marcos Calil

Em 05 de setembro, a partir das 23 horas e 30 minutos, o Prof. Marcos Calil entrará ao vivo no seu canal do YouTube (https://www.youtube.com/watch?v=x41lu7Wj4QM) para transmitir ao vivo a ocultação de Marte pela Lua. Se as condições meteorológicas ajudarem, no início da Live o planeta Marte será transmitido ao vivo e o Prof. Marcos Calil irá bater um papo com os participantes, explicando o fenômeno, orientando as pessoas como observar o fenômeno e respondendo perguntas.

Exatamente às 23 horas, 59 minutos e 31 segundos de 05 de setembro de 2020, os participantes poderão assistir o início da ocultação do planeta Marte pela Lua. O fim desta primeira parte, ou seja, da imersão ocorrerá à 00 hora, 01 minuto e 22 segundos de 06 de setembro de 2020. 

 

O evento irá continuar com o Prof. Marcos Calil conversando com os participantes e as imagens ao vivo da Lua sendo transmitidas. Durante esse período, o telescópio acompanhará o planeta Marte, porém como esse belo planeta estará “atrás” da Lua, o que se poderá observar serão as crateras da Lua. Após esse período, Marte irá reaparecer. O horário que iniciará a emersão ocorrerá à 00 horas, 38 minutos e 50 segundos, sendo transmitido pelo Prof. Marcos Calil. O fim da emersão ocorrerá à 00 horas, 40 minutos e 47 segundos, quando o disco marciano estará totalmente fora do disco lunar e se afastando da Lua. 

 

Durante a Live, os participantes poderão apreciar algo semelhante a foto obtida pelo Prof. Marcos Calil referente a ocultação de Marte pela Lua que ocorreu em 09 de agosto de 2020.

Foto obtida pelo Prof. Marcos Calil durante a Live de 09/08/20, no início da imersão de Marte

 

 

Ocultação de Marte pela Lua (Foto: Marcos Calil)

 

Não deixe de participar da Live e aprender um pouco mais sobre esse belíssimo fenômeno. Se inscreva no canal do Prof. Marcos Calil e bons céus!

CIDADES RELACIONADAS

Belém - PA

23°
min

33°
max

12mm / 67%

Cuiabá - MT

18°
min

31°
max

0mm / 0%