Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Semana começa com mudanças no tempo no RJ

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

Foto por Thadeu Valério, Búzios/RJ

3 min de leitura

Foto: Thadeu Valério, Búzios/RJ
Como está o tempo por aí? #fotografeotempo e participe!

Nesta segunda-feira,12 de abril, o tempo começa a mudar no Rio De Janeiro por causa do avanço de uma frente fria que está associada a um ciclone extratropical. Este sistema vai aumentar as condições para chuva e vento na região. 

 

O dia começa com predomínio de sol no estado e esquenta. A segunda-feira promete ser um dia quente para os padrões de abril. Na cidade do Rio de Janeiro, por exemplo, a máxima chega aos 36°C. No entanto, com o avanço desta frente fria associada a um ciclone, as rajadas de vento se intensificam e podem chegar até os 80km/h em algumas áreas do Grande Rio e na Região Serrana. As nuvens aumentam a partir da tarde e ocorrem pancadas isoladas de chuva que podem vir com raios. Até o fim do dia, não se descarta o risco de temporais isolados.

 

Na terça-feira(13) a frente fria se afasta, mas ainda favorece a formação de instabilidades que se espalham por todo o estado do Rio de Janeiro. A previsão é de chuva e ventos moderados a fortes ao longo do dia em praticamente todas as regiões fluminenses. Alguns temporais ainda podem acontecer de forma isolada, principalmente nas serras e no norte do estado. As rajadas de vento persistem ao longo do dia com moderada a forte intensidade de 50 a 70 km/h.

 

A semana vai seguir instável e com temperaturas mais baixas em relação aos últimos dias. A cidade do Rio já deve ficar com máximas abaixo dos 30°C a partir de terça-feira. Confira aqui as temperaturas previstas!

 

Mar agitado e risco de ressaca

Com o ciclone se afastando pelo oceano, os ventos intensos deixam o mar agitado no Rio de Janeiro. Entre terça à noite e quarta-feira(14), há risco para ressaca nas praias da orla carioca e entre Costa Verde e a Região dos Lagos. As ondas podem chegar aos 2 metros e meio.

 

+ mais notícias