Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

1ª quinzena de dezembro com chuva acima da média no Nordeste

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

3 min de leitura

Oferecido por

Foto: iStock

 

A primeira quinzena do mês de dezembro sobre o Brasil, apesar de ser o período úmido, as chuvas ainda foram muito irregulares e com volumes inferiores a média nos estados de São Paulo, Santa Catarina, Paraná e boa parte de Goiás, Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Sul. 

 

Em contrapartida, num típico cenário de La Niña, as chuvas estão acima da média no centro e norte do país. Boa parte dos estados do Pará, Amazonas, Minas Gerais, Rio De Janeiro, Piauí, Maranhão e Bahia registraram chuva acima da média. A chuva sobre a Bahia foi excepcionalmente volumosa e acarretou em incontáveis prejuízos e vítimas fatais. 

 

image

Mapa de anomalia de precipitação em mm - de 01/12 a 16/12

 

 

Em apenas 15 dias, Salvador registrou o triplo da média de chuva normal para um mês de dezembro. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou 176,0 mm na estação meteorológica do bairro de Ondina. Este volume de chuva é muito elevado para Salvador nesta época do ano, e representa o triplo da média de chuva para todo o mês de dezembro, que é de aproximadamente 58mm. 

 

A capital baiana já está tendo o dezembro mais chuvoso desde 2014, quando choveu 194,2 mm em 31 dias.

 

Mas foi no extremo sul do estado, que os volumes foram ainda mais exorbitantes, como em Itamaraju com seus 539,2mm, também mais que o triplo média climatológica para o mês.

 

image (1)

Mapa de precipitação acumulada em mm - de 01/12 a 16/12

 

E este é o cenário que deve predominar nos próximos 15 dias, com pouca chuva e muitos períodos de tempo seco no Sul, e em boa parte dos estados de SP e MS e chuvas frequentes e muito volumosas entre o Centro-Oeste, região Norte e MATOPIBA.

Conteúdo em Vídeo

Notícias Recomendadas

+ mais notícias