Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

São Paulo segue quente e com chance de novo recorde nesta semana

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

4 min de leitura

Foto: Paula Soares, São Paulo/SP

 

Uma forte massa de ar quente influencia o estado e a presença de ventos quentes do quadrante norte favorecem o rápido aquecimento sobre o estado de São Paulo. As temperaturas ficam elevadas por todas as regiões ao longo dos próximos dias e as pancadas de chuva persistem, de forma isolada. Só no fim da semana que o calor tende a diminuir, por causa de uma nova frente fria. 

 

A capital paulista teve um fim de semana muito quente e com recordes consecutivos de maior temperatura do verão, até o momento. 

 

Recorde

No sábado, 22 de janeiro, a capital paulista bateu recorde de maior temperatura do ano e do verão. A máxima foi de 33,7°C e igualou ao dia 19/01/2022. Porém, neste domingo, 23 de janeiro, a temperatura subiu ainda mais e chegou aos 33,8°C na estação automática do Mirante de Santana, segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia. Com isso, a cidade de São Paulo bateu um novo recorde. Essa é a maior temperatura deste ano e desde o início de verão(que começou em 21 de dezembro de 2021).

 

A tendência para os próximos dias ainda é de bastante sol e com temperaturas elevadas. A sensação será de muito calor. As pancadas de chuva continuam concentradas entre a tarde e a noite, de forma isolada. Não se descarta o risco de chuva moderada a forte em alguns pontos, até com raios, mas sem volumes muito elevados.

 

Na segunda-feira(24) ainda não chove em áreas do Vale do Ribeira, região de Sorocaba e no litoral paulista, só na terça que volta a chover em alguns pontos destas regiões.

 

Aniversário de 468 anos da cidade

O aniversário da cidade será marcado por várias áreas de sol forte e muito calor em todo estado de São Paulo, inclusive na capital, onde a máxima fica próxima aos 34°C. Não se descarta um novo recorde de calor, em pleno aniversário de 468 anos.

 

Há possibilidade de algumas pancadas de chuva entre a tarde e a noite que até podem engrossar em alguns pontos, mas com curta duração e de forma muito pontual. Não há previsão para grandes alertas.

 

Quando o calorão vai diminuir?

Na sexta-feira, 28 de janeiro, uma nova frente fria avança pelo oceano, na altura de São Paulo, favorecendo o aumento da chuva no estado. A chuva já começa de manhã em muitas áreas e com alto risco de temporal no decorrer do dia, inclusive na capital.

 

O calor começa a diminuir na sexta e o fim de semana já tende a ser mais fresquinho. Não há previsão de frio, mas serão temperaturas bem mais amenas. O fim de semana ainda será com chuva em São Paulo e há potencial para grandes volumes acumulados.

+ mais notícias